quarta-feira, 7 de março de 2018

Furacão E-Toupeira

A confirmar a intempérie um furacão de grau elevado denominado E-Toupeira passou pelo Estádio da Luz e desta vez levou um seu dirigente, o director do departamento jurídico do Benfica e braço direito de Luís Filipe Vieira, para passar uma noite na PJ. Paulo Gonçalves, dirigente sobejamente conhecido no futebol português que passou com sucesso por FC Porto e Boavista chegou ao Benfica pela mão do actual presidente do Benfica e curiosamente os resultados são o que são. Se há algo de mal nisto? Não se sabe, mas como os benfas disseram para se investigar....(lembram-se?) a PJ investigou e perante tantas evidências também expostas pelo caso dos emails têm feito miséria para aqueles lados.

A PJ emitiu um comunicado onde se pode ler que as acusações são graves: (link) corrupção ativa e passiva, acesso ilegítimo, violação de segredo de justiça, falsidade informática e favorecimento pessoal e pelo menos já foram duas pessoas detidas, Paulo Gonçalves e José Silva (técnico de informática do Instituto de Gestão Financeira e Equipamentos da Justiça). No entanto este processo já conta com 4 arguidos, os dois em cima referidos e mais dois, Júlio Loureiro (funcionário judicial no Tribunal de Fafe) e Óscar Cruz (empresário de futebol).
Para esta operação estiveram mobilizados cerca de ´50 elementos da PJ, um juiz de instrução criminal e dois magistrados do Ministério Público e foram realizadas trinta buscas nas áreas do Porto, Fafe, Guimarães, Santarém e Lisboa que levaram à apreensão de relevantes elementos probatórios`.
Ora, isto é uma vergonha para o futebol português e para os próprios benfiquistas que a esta altura já deverão ser poucos a pensarem que tudo não passa de uma cabala preparada entre FC Porto e SCP.
Estas acusações são sérias e quando uma pessoa passa a noite na cadeira anexa á Policia Judiciária é porque o caso é mesmo sério e há elementos recolhidos que provam a situação que está sobre suspeita.
É claro que ninguém é culpado sem provas mas tal como na operação LEX os indícios são muitos fortes. E isto é só o começo pois normalmente quando se descobre a ponta do novelo é normal que o novelo se desenrole mais facilmente.
A certeza neste momento é que a PJ não larga o Benfica seja por causa dos caso dos emails, seja pelo caso dos vouchers, seja por denuncias anónimas e começa a descobrir algo que parece não estar bem.
Portanto, neste momento o Benfica é uma vergonha nacional e os seus adeptos devem estar envergonhados sobre tudo isto mas reparem que já há ex-dirigentes a tentar separar o Clube do seu assessor jurídico como que a fazer o mesmo em relação a Pedro Guerra. Veja-se... Rui Pereira: "É preciso distinguir os funcionários em relação ao clube e que o Benfica está acima de quaisquer atitudes individuais. As pessoas sabem distinguir Paulo Gonçalves da instituição Benfica. "; veja-se... Gaspar Ramos: "Não sei até que ponto o Benfica tem conhecimento das acções de Paulo Gonçalves. Até que possa ser condenado não é mau que esteja do lado dele."
Enfim, o futebol português continua embrulhado nestes assuntos de corrupção, de suspeita e de actos ilícitos e todos ligados a Benfica e FC Porto e não saímos disto.
Portanto são vários os indícios de que há corrupção no futebol nacional e de que há  trafico de influências e de que tudo isto gira á volta da arbitragem. Se não, porque vivemos sempre a falar de arbitragem e sabemos do caso apito dourado, de escutas onde se escolhem árbitros e ainda mais recentemente este caso dos emails? Isto é normal?
Agora vejam. Paulo Gonçalves estava no FC Porto quando LFV era o melhor amigo de PdC. Depois passou pelo Boavista de Valentim Loureiro e também foi campeão. Ora quando LFV se zangou com PdC e este sabia que Paulo Gonçalves sabia de muito e tinha bons conetcs porque não levá-lo para o Benfica? E foi isso mesmo que aconteceu. LFV levou PG para Lisboa e começou a puxar os cordelinhos que hoje são uma realidade e que dão os seus frutos...revelado pelos emails?
Veja-se a imagem:
Será tudo isto normal? Serão os emails ainda a esta altura falsos? Agora e depois disto tudo, o que será esperado nos próximos tempos? O que será normal nesta história? Não serão de esperar mais detenções?
Veremos. 

Se ainda não seguem AmorSporting podem começar desde já. Obrigado.
AmorSporting no Facebook(link)
AmorSporting no Twitter(link)

1 comentário :

  1. Caríssimo:
    O problema acho que já passou o estadio de se saber se são verdadeiros ou não, até o próprio Benfica diz que foram "roubados".
    O cerne da questão é saber como foram obtidos. E aí é muito simples: os investigadores têm (ou tiveram) que averiguar se foram obtidos por meio de "hacking" e, caso tenham sido, não poderão ser usados como prova, à luz da legislação vigente, ou se foram enviados por alguém de dentro da estrutura, e, a não terem sido modificados, poderão ser usados como meio de prova.
    O que sucedeu ontem é algo que não permite ainda esclarecer nada quanto a esses ponto. Creio que o que se passou foi fruto de algo um pouco ao lado, mas vamos esperar.

    Um Abraço,

    José Lopes

    ResponderEliminar

Comente em AmorSporting: