quinta-feira, 11 de janeiro de 2018

Sporting nas ´meias` da Taça de Portugal

O Sporting venceu hoje o Cova da Piedade nos 4ºs de final da Taça de Portugal por 1-2 com golos de Bruno Fernandes e Bas Dost. Os Leões estão assim nas ´meias` da prova Rainha mas o nosso adversário vendeu bem a derrota. Jorge teve mesmo de ir ao banco buscar Bruno Fernandes e Bas Dost curiosamente os homens que marcaram os nossos golos. O Sporting foi lento e previsível e só na 2ª parte , depois de dar oportunidades ao adversário, é que resolveu arrumar com a questão. Venha o FC Porto...ou o Moreirense!

Foi difícil e quase na marra que vencemos o Cova da Piedade que bateu o pé a uma equipa que deve ter colocado na cabeça que os serviços mínimos chegariam para vencer a partida. Sim porque este não foi o Sporting habitual e mesmo com Bryan Ruiz a jogar a 8 não é desculpa para o nosso mau jogo. Pelo menos até ao intervalo fomos amorfos e uma equipa sem ideias, sem profundidade, lentos, previsíveis, sem dinâmica e muito permissiva nomeadamente nas marcações no meio campo.
Na 2ª parte e já com Bruno Fernandes e Bas Dost a jogar rectificámos as marcações, fomos muito mais pressionantes mas sobretudo impusemos mais ritmo no jogo. O jogo foi outro e o Cova da Piedade embora tenha empatado o jogo não causou mais perigo para Rui Patrício. Mas comecemos pelo principio.
Jorge Jesus não apostou no mesmo 11 que venceu e goleou o Marítimo e decidiu fazer o que para mim não pode fazer, colocar Bryan Ruiz sem ritmo de jogo nem capacidade para pressionar seja quem for na posição 8 e enquanto jogou viu-se a nossa incapacidade naquele sector. Mas não foi tudo, do meio campo para a frente só continuou a titular Podence pois no resto tudo foi mudado: Battaglia na vez de William, Bryan na vez de Bruno Fernandes, Acuna regressou á ala esquerda, Bruno César jogou na vez de Gélson e Doumbia na vez de Dost. Portanto, foram muitas mudanças!
Equipa: Rui Patrício, Ristovski, Coates, André Pinto, Coentrão, Battaglia, Bryan Ruiz, Bruno César, Acuna, Podence e Doumbia.
Acontece que com estas mudanças que não digo que não fossem necessárias(e aqui se vê que precisamos de mais e outras soluções) a nossa forma de jogar foi outra, a equipa ressentiu-se de qualidade e fizémos um jogo a roçar os serviços mínimos. Sobretudo porque na minha opinião Bryan não é um 8 nem que o pinte de Bruno Fernandes e Bruno César pode ser tudo mas menos jogar na direita. Não percebi porque não jogou o Iuri ou agora só porque pode sair não joga? Enfim!
Fomos portanto, na 1ª parte, presa fácil para um Cova da Piedade que apostava numa gracinha na Taça e atenção, ela quase esteve para acontecer não fosse o poste e depois a trave a impedir o golo. Mas que mau jogo fizémos na 1ª parte!! 
Por exemplo: não acertávamos uma no meio campo pois Bryan não dava para mais. O costa riquenho era lento a construir e a marcar e Battaglia não tinha mãos para tudo. Depois com os jogadores a não darem o máximo deles poderia ter corrido mal. Em termos ofensivos também fomos uma tristeza exceptuando em um ou dois lances conseguindo um ou dois remates. Podende era o que tinha mais iniciativa mas Doumbia era algo trapalhão e inconsequente no seu jogo. Nós é que fomos complicativos pois não soubemos ser pressionantes nem rápidos o suficiente para ultrapassar uma equipa bastante inferior. Por esta altura a floresta de pernas do Cova da Piedade resultava! E mais, nesta etapa inicial os Deuses protegeram o SCP!
Na 2ª parte....a noite tornou-se em dia ou pelo menos viu-se alguma luz e já com Bruno Fernandes e Bas Dost em jogo o Sporting foi outro. Ao intervalo JJ tirou Bryan e colocou no seu lugar o Bruno Fernandes e irou o Bruno César e colocou o Bas Dost que jogou na frente com Doumbia. Na direita jogou Podence.
E o Sporting foi logo outro, outra posse de bola, outra qualidade no passe e no transporte da bola mas fundamentalmente  que fez mesmo a diferença foi a nossa com atitude em campo. Depois do intervalo o Sporting veio mais pressionante e mais rápido e tirando uns poucos minutos e a sorte do lance em que o Cova empata o Rui Patrício não foi incomodado. Foi portanto um SCP do dia para a noite.
Surgiu então o golo por intermédio de Bruno Fernandes que embora tenha trabalhado bem a bola pelo lado direito do nosso ataque aquando do remate beneficiou de um ressalto e não deu hipóteses ao guarda-redes contrário.
Pensei então que estava feito e que até poderíamos marcar mais um ou dois golos para tranquilizar a equipa mas não é que num lance de insistência do Cova oriundo de um canto a bola bate ali numa mão involuntária de A. Pinto e é penalidade ? Na minha opinião não é penalidade pois a bola bate em Ristovski e só depois é que bate na mão involuntária do central do SCP para além da bola já nem ir para a baliza de Rui Patrício.
Quem agradeceu foi a equipa da casa (emprestada) e chegou ao empate.
Ora, lá teria que o SCP fazer os últimos 30/35 minutos de boa qualidade ou o suficiente para marcar mais um golo e foi isso que fez. Os Leões caíram em cima do Cova e não descansaram enquanto não marcaram ...já perto do final. 
Os lances de perigo sucediam-se perto da baliza do Cova e adivinhava-se o golo do SCP até porque as saídas em contragolpe do adversário tinham terminado á muito. O Cova tinha sido remetido todo para trás e foi o inevitável Bas Dost que resolveu tudo. Acuna marcou um canto da esquerda, o único cruzamento que fez de jeito em todo o jogo, Battaglia ganha ao 1º poste e o holandês fez a emenda e resolveu o jogo.
Até final o SCP soube controlar o jogo e o Cova da Piedade já não conseguiu reagir. Mesmo no final JJ tirou Doumbia e colocou Palhinha que nem sei se tocou na bola.
O Sporting está portanto nas meias finais da Taça de Portugal e agora é só esperar por amanhã para saber se é FC Porto ou Moreirense que defronta.
Estivemos longe de fazer um bom jogo mas passámos á próxima eliminatória que é o que interessa. não houve nota artística mas a rotação tinha que ser feita. Com as mudanças de JJ ficámos a saber que para a posição 8 o Bryan não dá e Deus queira que Misic seja bom jogador, que o Iuri deve ter os dias contados no Sporting pois nem jogou, que Bruno César é bombeiro mas na direita é um zero e que Doumbia acusa falta de ritmo pois nem uns minutos tem jogado.
Que venham então essa prendas que estamos bem a precisar de sangue fresco e ...na guelra!!
Para mim o melhor Leão foi Bruno Fernandes e Bas Dost que entraram para resolver o jogo. O médio deu outra alma á equipa e o holandês evidencia-se onde mais precisamos - na área.
No fim só dizer que começo a não gostar da nossa ala esquerda que tem tido algumas desconcentrações. Coentrão vai á doida á frente e não fica ninguém no seu lugar mas em sentido contrário Ristovski é um jogador certinho e muito difícil de ultrapassar. Estou certo de que Piccini não vai cá estar muito tempo mas quando isso acontecer já temos outro lateral direito de categoria. Muito bom e também em termos ofensivos.

Se ainda não seguem AmorSporting podem começar desde já. Obrigado.
AmorSporting no Facebook(link)
AmorSporting no Twitter(link)

4 comentários :

  1. O Coentrão esteve bem... a diferença da 1a para a 2a foi essencialmente ritmo... *SÓ*(claro as substituições ajudaram uma MONTANHA para isso, exactamente o inverso do derbi)..

    Simplesmente Bryan Ruiz e Bruno César actualmente não têm condição física (NEM ANIMICA) para jogar no Sporting (é impressão minha ou o B César está a parecer um boneco sempre em pé!?.. )

    E grande parte da Culpa é do Treinador com as mensagens que passa (devia de ser; não está o Zé joga o Manel ou o Toze, aquele que estiver em melhor forma)... esses 2 são "doutores" na ideia de jogo da equipa, logo não precisam de mexer o cu para nada (ainda hoje afinal os reforços são para a próxima época!!!!? - estás a fugir com o cu à seringa... err Liga Europa... Oh Jasus! - ... eu na pele desses 2 então agora é que não mexia o cu para absolutamente NADA, mas andava a arrastar-me dentro de campo a dar indicações aos outros como deviam jogar... Lol)

    O Doumbia afinal é burro e é pior que as expectativas (então numa jogada perigosíssima de ataque rápido vai cortar para trás dos defesas em vez de manter a linha de passe ao Podence!?? ) ... mas é possante e mexe-se bem!.. mas terá sido boa ideia emprestar o Dala!??

    Tenho apreensão pela "DUMENSÃO FÍSICA" da equipa... afinal o único reforço q vem também é a atirar para o lado *soneca* da equação, apsar de ser muito bom técnica e tacticamente e ser experiente no Tugâo... e havia de vir mais, com mais ímpeto, reais reforços, mesmo para tirar o lugar às estrelas... E OU HAVER MUITO MAIS ROTAÇÃO DE QUALIDADE...

    Sempre fui defensor do JJ, mas se ele não está contente com o que tem, e com o CAGAREM-LHE EM CIMA pelas exibições miseráveis e gordura a mais dos doutores das "ideias de jogo" e da "mestria *táctica", SÓ SE PODE QUEUXAR DELE MESMO... pois por tudo o que oiço dele, esses fazem exactamente o que ele quer.

    Por tudo o que li e ouvi do JJ, a crítica q lhe aponto, e acho que tenho razão pois ele refere-se constantemente ao basquetebol como um modelo na ideia ou estratégia de jogo, ele tem razão que o futebol está cada vez mais táctico em especial nas equipas de topo, mas também está cada vez mais FISICO E VELOZ (chamem-lhe doping mecânico ou arroz com batatas, e não é preciso entrar o Usain Bolt no meio), e é permitido contacto a rodos (em especial no Tugâo), coisa que no basquetebol não é.

    Os grandes treinadores do futuro vão ser aqueles que perceberem isso e conseguirem conciliar as 2 coisas... e o grande destaque nisto vai sem dúvida para o Guardiola, um mestre de tiki-taka num mundo de futebol físico e vertigem como o inglês (e tem lá a elite de diversas tácticas e modelos de jogo).

    Assim dum modo mais popular... já q os reforços são para o futuro, será que não podemos antecipa-lo e ajudar grandemente o JJ (o que é realmente importante aqui, e deve ser a intenção) e despachar já o B. César e o Bryan Ruiz (a federação costa-riquenha q lhe pague os 100mil mês)... é que o 'homem' ainda se aleija a sério com tais brinquedos!..

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois...talvez não seja mau pensado mas agora neste mercado só podem sair mediante uma excelente proposta pois precisamos de + jogadores para rodar e não de ficar com ...a menos. Trocar agora esses jogadores por outros , pelo menos o Bruno César que é um bombeiro era um risco. Quanto ao Bryan penso que poderia sair e porque não o regresso do Francisco Geraldes para o seu lugar?
      Quanto ao JJ dizer que estes dois são reforços para o futuro não acho mal e espero que o SCP trabalhe nesse sentido pois vamos precisar e deve-se antecipar a próxima temporada....tal como eu defendo para o lateral esquerdo, por ex.
      O João Mário é que era!!

      Eliminar
  2. Não foi penalti mas não vamos dar cabo da nota ao Rui Costa.

    ResponderEliminar

Comente em AmorSporting: