domingo, 20 de agosto de 2017

O Castelo foi nosso

O Sporting goleou em Guimarães por 0-5 com bis´s de Bruno Fernandes e Bas Dost e ainda outro do nosso capitão. Jogo personalizado do Leão que foi pragmático e muito letal. Três jogos, três vitórias, sem golos sofridos e oito marcados é um bom cartão de visita para a 2ª mão do play-off da Champions. O Castelo foi nosso!
Não eram esperadas grandes mudanças na equipa e JJ confirmou-o. A única mudança na equipa em relação ao ultimo jogo foi a saída de Podence e a entrada de Bruno Fernandes que jogou ao lado de Bas Dost. Equipa do Sporting: Rui Patrício, Piccini, Coates, Mathieu, Fábio Coentrão, Battaglia, Adrien, Gelson, Acuna, Bruno Fernandes e Bas Dost.
O jogo era em Guimarães e eram esperadas muitas dificuldades mas Bruno Fernandes fez questão de dar uma grande ajuda á bomba. Logo aos 3´ do meio da rua meteu a bola no ângulo da baliza vitoriana e abriu as hostilidades. Que golaço!!
Que mais uma equipa pode pedir? 
Para mim este é o momento do jogo que deu a tranquilidade e segurança que uma equipa necessita quando vai jogar a Guimarães. Desta  vez foi assim.
Apesar do golo o Sporting continuava bem fechado e coeso tendo o Vitória até algum domínio territorial. Quando era preciso as nossas linhas recuavam mas não só. A nossa defesa está mesmo muito coesa, Coates e Mathieu são uns senhores e Battaglia tem muita força na ajuda a este sector. Por ultimo, os nossos dois laterais fizeram um bom jogo. Foi vê-los a não se deixarem ultrapassar e no ofensiva a irem muitas vezes á linha final. Gostei!
O Vitória tentava chegar á aérea do Sporting mas não conseguia fazê-lo com perigo á excepção de um livre de Rapinha. Os lances de maior perigo foi mesmo quando Rui Patrício largou duas bolas mas sem consequências. Aliás, os vimaranenses tentaram entrar mais pelo lado de Coentrão mas para além das garrafas de água que mandaram das bancadas o perigo foi controlado muito pela culpa do internacional português que hoje fez uma exibição muito boa. 
Exibição essa que ficou coroada com a participação em dois golos do Sporting. No 2º golo leonino Fábio é travado na linha final e do livre que Acuna marca, dá em golo e no 3º golo, é Fábio que é isolado pela esquerda e este oferece de bandeja a Bas Dost mais um golo. E estes dois golos foram aos 21´ e aos 23´ e arrumaram o jogo. 
Nesta 1ª parte há ainda a destacar outras duas excelentes oportunidades para Bruno Fernandes aumentar a contenda mas uma saiu ao lado e na outra Miguel defendeu. 
Ao intervalo o SCP já vencia por 0-3. E vencia mesmo não tendo feito uma 1ª parte fantástica. O Sporting cumpriu e foi bastante competente. Bruno Fernandes jogava ao lado de Dost quando o SCP pressionava mas já na construção recuava no terreno para desequilibrar a balança do meio campo e foi assim no seu 1º golo.
Na 2ª parte e ainda nos lembrávamos da época passada onde a ganhar por 0-3 deixamos fugir a vitória fizemos uns grandes 45´. Nesta parte sim, o Leão soltou-se e mesmo não jogando com aquela intensidade(também não precisava) chegou á mão cheia de golos que..... poderiam ter sido mais. 
O jogo também teria que abrir com o Vitória á procura do prejuízo e aqui vimos que o Sporting brilhou. Nesta parte já não recuámos tanto no terreno, também recuamos conforme a outra equipa, soubemos ter mais bola e surgir mais na frente com perigo. O nosso meio campo esteve bem melhor com destaque para Battaglia que é um portento de força e Bruno Fernandes que hoje abriu o livro. Adrien, que esteve melhor vai subindo de produção de jogo para jogo e até fez um belo golo.
Mas ontem o SCP teve mais espaço , também o soube criar, atacou bem pelas alas e foi mortal pelo meio. Na 2ª parte apostámos mais pelo lado direito com Piccini a lavrar por completo na direita e foi por diversas vezes a desequilibrar na frente quase sendo um ala. Foi há linha varias vezes e nem um deslize deitou tudo a perder. Eu continuo a dizer que este jogador ainda vai dar que falar mas alguns querem vê-lo como patinho feio.
E foi com outra bomba que Bruno Fernandes chegou ao 4º golo. Do meio mais uma vez não perdoou e sossegou as hostes leoninas.
O Sporting mesmo não pressionando com muita intensidade preenchia o campo e reconquistava facilmente a bola e saia rapidamente para a frente. Gelson surgiu na 2ª parte como grande impulsionador de muitas das nossas jogadas. Mais colado á esquerda depois de Iuri ter substituído Acuna o internacional português só não causou mais golos porque foi pouco esclarecido dentro da grande área do Vitória.
No entanto o Sporting poderia ter marcado mais golos. Para além da boa jogada que deu no nosso 5º golo marcado por Adrien ainda conto pelo menos mais três ocasiões clamorosas desperdiçadas com remates por cima da baliza  outra com uma boa defesa de Miguel quando Gélson ia isolado.
Depois a substituição da ordem, Jonathan por Fábio e outra por precaução, Mathieu deu o lugar a André Pinto. O resultado estava feito.
Vencer em Guimarães por 0-5 não é para todos nem visto muitas vezes mas diga-se de verdade, este Vitória não é o mesmo. ofensivamente não incomodou e defensivamente cometeu muitos erros que a nossa equipa soube aproveitar quase todos.
A exibição do Sporting foi tal que não consigo dizer alguém que tenha jogado mal. O melhor foi Bruno Fernandes e disso não tenho duvidas mas gostei de outras prestações.
O internacional português jogou e fez jogar e com dois grandes golos merece o titulo de melhor em campo mas com certeza que não jogará sempre com Bas Dost. Talvez nos grandes jogos e como mais espaço possa ser o seu parceiro mas nos que se adivinham mais fechados ...entre outro. Ontem foi a escolha e que acertada foi. Bruno recuava no terreno e sabia jogar em tabela até surgir em espaços para finalização. O jogo entre linhas foi muito importante.
Mas como dizia gostei também de Battaglia que não sendo um construtor foi uma parede á frente dos centrais e um recuperador de bolas nato. E a força? Cedo veremos que os 3,5 Milhões mais o Esgaio foram muito bem empregues. Depois Adrien que já esteve mais solto e que já jogou mais tempo. O capitão que começou mais tarde a sua preparação está a melhorar mas ontem já deu um ar da sua graça. o SCP com ele tem sempre outra cara.
Na defesa fomos muito bons e o 4º jogo consecutivo sem sofrer golos é disso uma prova. Sempre disse que um Campeão começa pela defesa e estas exibições defensivas têm me deixado optimista. Piccini que muitos insistem em não reconhecer como tendo potencial fez muito boa exibição. Ele varreu aquele lado direito todo e ainda teve forças para fazer duas ou três grandes jogadas até á linha e causar perigo. Muito bem. Teve um erro que nos poderia ter causado um golo mas Rui Patrício compensou.
Na esquerda o Fábio fez também muito boa exibição cotando-se como um dos melhores. Assim sim, temos lateral esquerdo para as curvas. Se já dava segurança defensivamente agora a sair até á linha final é outra coisa.
No meio em preciso dizer nada de Coates e Mathieu que foram intransponíveis e de Rui dizer que esteve algo inseguro mas que compensa sempre tê-lo nas nossas redes.
Na frente, Gelson foi um quebra cabeças , ontem mais pela esquerda, e só não marcou por muito pouco. Acuna marcou o livre do 2º golo e talvez tenha sido o nosso homem mais apagado. Cumpriu. Iuri Medeiros entrou bem no jogo e falhou um golo como ele não costuma fazer. Esteve no golo de Adrien e que jogada. Este menino tem de jogar mais vezes, srº JJ!
Do Bruno já não preciso falar e finalmente o nosso goleador que ontem fez o seu 13º bis desde que está no Sporting. De cabeça fez o 2º golo do Leão, no livre bem mercado de Acuna e foi só empurrar para o 3º a passe de bandeja de Fábio Coentrão. No resto foi um lutador saltando nas alturas e abrindo muitos espaços para Bruno Fernandes. Gostei.
Agora venha o Steaua para ver o seu treinador de saia.

Se ainda não seguem AmorSporting podem começar desde já. Obrigado. 
AmorSporting no Facebook(link
AmorSporting no Twitter(link)

Sem comentários :

Enviar um comentário

Comente em AmorSporting: