quarta-feira, 12 de julho de 2017

Sporting vence Fenerbahce

O Sporting iniciou o estágio na Suiça com uma vitória sobre o Fenerbahce por, 2-1 como golos de Bas Dost e Doumbia. É sempre bom vencer mas o mais importante foi assimilar os processos da equipa e ver comportamentos dos novos e dos jovens jogadores do Sporting. Amanhã há mais!
O SCP está em terras helvéticas sem Rui Patrício, Beto, William, Adrien e Gelson Martins mas faz tudo para que os que estão os façam esquecer. Obviamente que é uma tarefa do mais difícil mas enquanto esses não chegam vamos crescendo de outra forma.
Com outro jogo amanhã JJ não fez alinhar todos os jogadores, Stojković, Pedro Silva, Domingos Duarte, Palhinha, Ryan Gauld, F. Geraldes, Jovane Cabral e Leonardo Ruíz não jogaram prevendo-se que joguem frente ao Valência.
O onze inicial foi este: Jug; Piccini, Coates(cap.), Mathieu e Fábio Coentrão; Petrović e Bruno Fernandes; Bruno César e Iuri Medeiros; Alan Ruiz e Bas Dost que eu diria que é o 11 em que JJ pensa em apostar para titular. Obviamente que quando regressar Rui Patrício, William, Adrien e Gelson e se regressarem é substituir as peças mas quem sair será a sombra dos titulares. A maior dúvida é Doumbia que vai lutar com Alan Ruiz pela titularidade.
E é disso que mais se tem tratado de fazer - ter substitutos á altura de William e Adrien e agora também de Gelson. Claro que também falta pelo menos um extremo esquerdo mas a essência é esta. A defesa foi com Piccini na direita, Coates e Mathieu no meio e Coentrão na esquerda; no meio campo a aposta tem sido em Petrovic e hoje em Bruno Fernandes; nas alas Bruno César e Iuri e na frente os nossos autores dos golos, Doumbia e Bas Dost.
Depois, vendo o filme do jogo, as substituições começaram no intervalo do jogo: entraram para a 2ª parte Jonathan Silva, Battaglia, Mattheus Oliveira e Doumbia saindo Coentrão, Petrovic, Bruno César e Alan Ruiz.
Mais tarde(60´) saíram Piccini, Coates, Mathieu e Bas Dost e entraram André Geraldes, André Pinto, Tobias Figueiredo e Daniel Podence e aos 70´ foi hora de jogarem Matheus Pereira e Gelson Dala saindo Bruno Fernandes e Iuri Medeiros. Mesmo no fim entraria Paulo Oliveira e saia Doumbia para o 3-5-2 que JJ tem experimentado.
Não podemos pedir muito nesta altura em que é o tempo dos erros não nos saírem caros pois não jogamos para os pontos. O que podemos exigir é que os jogadores assimilem os processos de jogo de JJ e isso já vamos vendo. Entrámos a pressionar e a ter bola no pé para construir jogo que Bruno Fernandes ia fazendo pois essa é a característica deste 4-4-2 de JJ.
O SCP marcou num livre indirecto(aliás os nossos dois jogos foram na marcação de livres indirectos) onde Coates antecipa-se ao guarda-redes dos turcos e Bas Dost consegue marcar com uma pontinha de sorte. Depois, passados 7 minutos o nosso adversário empatou num lance feliz mas a finalização é boa.
Na 2ª parte o SCP e apesar das substituições marcou por Doumbia de cabeça em outro livre indirecto mas depois deste golo o SCP poderia ter marcado mais dois ou três não fosse a displicência leonina dentro da área.
No fim , neste jogo disputado em  Renens, na Suíça, gostei de ver Coates, Petrovic, Bruno Fernandes, Battaglia, Mattheus Oliveira, Podence e Doumbia.
Coates porque é efectivamente um Patrón na defesa, Petrovic porque joga simples e isso tem-se revelado vantajoso, Battaglia porque mesmo substituindo Petrovic foi duro e incute outro ritmo á equipa, Bruno Fernandes porque nota-se a sua qualidade á distância só faltando mais minutos, Mattheus Oliveira que esteve mexido e que vê-se que tem pés, Doumbia porque é possante, tem faro de golo e o adversário vê ali uma ameaça e finalmente Podence que jogou na esquerda, no centro e na direita mas sobretudo deste lado foi um diabo á solta. Com aquele pique curto e rápido aliado á sua técnica vai ser muito difícil de travar.
Para terminar, vejo o SCP muito mais veloz e muito mais alto.
Amanhã há mais. O SCP defronta o Valência ás 19:30 em Martigny.   

Se ainda não seguem AmorSporting podem começar desde já. Obrigado. 
AmorSporting no Facebook(link
AmorSporting no Twitter(link)

2 comentários :

  1. Excelente análise. Discordo apenas de um ou dois pontos. Nos melhores jogadores incluo o Iuri que foi dos melhores em campo. Piccini esteve fraco com lapsos a defender. Alan Ruiz muito abaixo dos colegas. Mateus Oliveira esteve fraco. Momentos.interessantes na troca e circulação da bola.Um conjunto de alternativas válidas muito acima da época passada.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado. Acabei por não falar dos piores em campo mas prefiro não desvalorizar até porque estamos na pré-época mas de facto o Alan e o Piccini estuco mais demorados. No italiano é normal pois é uma realidade nova e nem todos se adaptam logo. Com calma e determinação vamos lá mas aprece-me que o SCP contratou bons jogadores e tem várias soluções.

      Eliminar

Comente em AmorSporting: