domingo, 9 de julho de 2017

O que significa a proibição de Fernando Gomes aos órgãos sociais federativos?

Costuma-se dizer que depois de casa roubada, trancas á porta e é precisamente o que parece que Fernando Gomes acaba de fazer na FPF. Quando ainda se discute se os Emails do Benfica vindos a publico são verdadeiros eis que o Presidente deste órgão acaba de recordar, por escrito, aos presidentes dos órgãos sociais federativos que não podem solicitar qualquer tipo de oferta a qualquer agente desportivo, bilhetes de futebol incluídos. Mas seria necessário lembrar este facto? Não significará esta medida que os emails são verdadeiros?
É engraçado ouvir todos os tipos de desculpa possíveis para tentar limpar o nome. Ora são emails falsos, ora roubados, ora que foram enviados por não dirigentes do clube, que não servem como prova, enfim.....mas o que dizer desta ´proibição` de Fernando Gomes? Porque o presidente da FPF recordou tal coisa aos órgãos sociais da FPF? Será que a prática de solicitar bilhetes por membros do CD da FPF ao Benfica e não se fala só de um simples bilhete é uma situação dúbia? Será que aqueles emails vindo a publico sobre tudo isto são ou não verdadeiros? E constituem ou não um crime?
Sobre isto também é engraçado ouvir certos cartileiros como por exemplo Diamantino Miranda que não vê problemas nesta prática possível de solicitar bilhetes. Convém não é?
Pois bem, o que parece é que Fernando Gomes está preocupado com a idoneidade daquele órgão e perante tal caso escreveu aos órgãos sociais da FPF a proibir que solicitem bilhetes aos clubes de futebol e que se isso for ao ao contrário que se comunique ao abrigo do protocolo da FPF.
É óbvio que esta medida não significa por si só que os emails sejam verdadeiros mas como diz o ditado, dá a parecer que FG sabe que aquela prática aconteceu e é verdadeira. E outra coisa: se esta prática é verdadeira porque não se fez então sempre tudo pelo protocolado? Pois...
O pior é que a confirmar-se o teor daqueles emails a pedirem mais do que um bilhete e por fora do abrigo do protocolo é algo que tem de ser muito bem investigado pois parece que em qualquer profissão é crime existir promiscuidade entre um lado e outro. Já o futebol parece não se reger pelos critérios de idoneidade e profissionalismo que a sociedade vai incutindo e aplicando aos poucos!
Muito pelo contrário, no futebol é tudo mais do que suspeito e por isso os agentes desportivos deveriam evitar qualquer tipo de suspeita mas vemos que isso não se passa de forma alguma (pelo menos de certas colectividades).
Será que a justiça desportiva é diferente da ´civil`? Será que no desporto pode haver uma promiscuidade entre os juízes do CD da FPF e um determinado clube ao ponto de se poderem pedir dois bilhetes para cada um para um jogo de futebol? Porque estas pessoas não compram os bilhetes como todos os outros mortais? E porque querem mais do que um bilhete?
Sobre isto gostava que alguém confirmasse a veracidade do teor dos emails divulgados pois o seu conteúdo é o mais importante mas de qualquer forma não me parece que estas pessoas tenham feito bem ao pedirem estes bilhetes e seja isto para que clube for.
E estas são práticas que nem deveriam ser agora recordadas por Fernando Gomes!! Isto deveria ser uma prática mais do que enraizada nos órgãos federativos ou nos da Liga, da arbitragem, etc, etc. Esta promiscuidade que só dá em suspeitas em cima de suspeitas tem que acabar mas o que temos é certas colectividades e pessoas que não pensam desta forma....sabe-se lá porquê!! E se alguma coisa entretanto se passou de ilegal tem de ser apurado e se for o caso de ser punido!
O que FG quis agora na prática fazer foi assegurar que não existe qualquer tipo de vantagem nesta promiscuidade mas penso que o presidente deste órgão acabou de confirmar de que isto se passou e mais grave ainda: de que o caso do jogador de futsal do Benfica que vergonhosamente foi autorizado a jogar frente ao SCP na Supertaça de futsal, 1º por um secretário da FPF e depois por três destes senhores do CD da FPF que estão na história dos bilhetes com o Benfica fazem parte de mais uma coincidência no futebol português!
Sem querer(ou não!), FG deu um passo mais largo que a investigação e mostrou a todos o que vai existindo na sua própria casa que merecia uma grande revolução mas nada que já não o tivéssemos aconselhado a fazer e há muito tempo!

Se ainda não seguem AmorSporting podem começar desde já. Obrigado.
AmorSporting no Facebook(link)
AmorSporting no Twitter(link)

14 comentários :

  1. Ignorar o proibido é autorizar o mesmo.
    http://meunomeleao17.blogspot.pt/2017/07/doidas-andam-as-galinhas.html?m=1

    ResponderEliminar
  2. Se os emails não fossem verdadeiros já tinham engtrado processos por difamação. Até agora não entrou nenhum. Nem vai entrar, pelo menos baseado na tese de mails falsificados. É que um processo com esta base daria azo à entrada dos emails como prova e com certeza a verificação da sua veracidade.

    JRamos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pelo menos penso que a PJ deverá proceder á verificação se são verdadeiros ou não. Se forem é investigar se há crimes ou não e não nos podemos esquecer que não só é crime quando algo bate certo com o que vem , por exe, nos emails. É que já é crime qd se aceita fazer qq que dê ´jeito ao outro` e quando se tiram proveitos como o caso do Bruno Coelho no futsal.
      Depois ainda terá que se ver o que pode ser usado como prova legal.....e por isso é que se batem que o material é roubado. O ´roubado` dá para invalidar qualquer hipótese.
      Há dias surgiu a hipótese de ser fuga da PJ o que penso não serem provas ilegais mas e se aparecer algum testemunho?

      Eliminar
  3. Sim, se houver pirataria as provas são inadmissíveis mas nada impede que os mails sejam publicamente revelados falsos ou não. O interesse público assim obriga. O benfica vai tentar com os advogados silenciar a revelação da avaliação técnica da veracidade dos mails mas acredito que o interesse público consiga prevalecer e que a disciplina da FPF solicite essa informação à PJ.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois ...não me admirava nada de que tentassem que se soubesse se são verdade ou não mas é de interesse publico saber-se disto. De qualquer forma acho que poderá haver julgamento pois no caso do apito dourado também houve. As provas depois foram desconsideradas mas até lá ainda se soube muita coisa.....
      O que não me parece ser difícil é confirmar se são ou não verdadeiros mas está a demorar saber-se .....

      Eliminar
  4. O Galpgate deu pedidos de exoneração de 3 secretários de estado(saem de cabeça levantada).
    Os vouchers e os e-mails vão ficar impunes?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. No futebol tudo se faz..............e nada se passa..........mas tem razão. Há personagens que já se deveriam ter demitido da FPF pois o caso do Bruno Coelho do futsal é muito grave e mais do que óbvio. Não sei que provas mais serão precisas provar o que está mal mas parece que nada se passa. Ninguém se mexe até a poeira assentar mas o FG deu um passo mais comprido e deu a entender o que já se pensa. Consequências é que nada!!

      Eliminar
  5. Os vouchers deixaram de ser entregues. O valor das ofertas de cortesia baixaram para um valor quase irrisório. Agora fica proibido elementos ligados à Federação fazerem pedidos aos clubes. Alguma coisa se passa, mais não seja o carnidense precisar de 4 empresas de advogados para os representar no caso dos emails. Devem estar apertadinhos, porque se fosse só para fazer queixas e por processos não necessitavam de tantos advogados.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É claro que se queiram defender e ao mais alto nivél até porque apesar do que por aí espalham está á vista de que vamos ter caso. Desta já não se livram mas o que eu queria e acho que todos nós também, era saber se os emails são ou não verdadeiros pois isso significava andar para a frente com a investigação. No entanto não vejo nada disso......Mas o que se passa só pode ser mesmo grave pois há indícios muito fortes, pelo menos como foi apresentado, de que existem coisas esquisitas no futebol tuga. Foram os vouchers, agora são os emails e alguns com conteúdo gravíssimo e isto são cabalas contra o Benfica ou existe mesmo? Saiam cá fora sff se os emails são ou não são verdadeiros!!

      Eliminar
    2. Chamar 150€ valor irrisório não faz muito sentido.
      Se um árbitro fizer 4 jogos num mês ganha mais do que o ordenado mínimo em ofertas de cortesia.
      Não nos podemos esquecer que vivemos num país em que a Lei considera que 550€ permitem a um cidadão viver com a dignidade que toda a gente merece.

      Eliminar
  6. Que os e-mails são verdadeiros já todos sabemos. O Mário Figueiredo já confirmou quando disse que estavam descontextualizados. O benfica já confirmou quando fala em crime informático. O Fernando Gomes já confirmou quando relembra que não podem ser pedidos bilhetes.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Concordo mas não nos podemos esquecer que LFV disse que era tudo falso!! Terá mentido mais uma vez? Porque não confirmam se tudo é verdadeiro ou não?

      Eliminar
    2. Se LFV mentiu? Claro que mentiu.
      Não confirmam porque estão á espera que seja considerada prova ilegal para não terem que falar disso.

      Eliminar
    3. As firmas de advogados acho que tentarão com que nada se saiba á para fora mas nós queremos saber!! Aliás nós exigimos saber de tudo!!

      Eliminar

Comente em AmorSporting: