quinta-feira, 22 de junho de 2017

Por João Rocha e Mário Moniz Pereira

Para mim, se há duas personagens sportinguistas que mereciam estar connosco hoje a ver esta obra nascer-o Pavilhão João Rocha, são, o Presidente João Rocha e o Professor Mário Moniz Pereira. Estes dois senhores sportinguistas de coração significam sem duvida o expoente máximo do Sportinguismo, do lema e ADN do nosso Clube. Os dois, pelo que fizeram no Sporting e pelo Sporting são Deuses e hoje esta obra ´agradece` não só a João Rocha mas também a Moniz Pereira que apesar de ser o srº Atletismo, praticou, ensinou e formou como ninguém e em muitas modalidades. Sem querer deixar alguém de fora como por exemplo Bruno de Carvalho que tirou o Pavilhão do papel e o fez erigir penso que esta obra que hoje nasce tem os olhos, o rosto, a ambição, o espírito, enfim.... tudo, de João Rocha e de Mário Moniz Pereira. A eles a minha simples homenagem e um muito obrigado pelo que fizeram e ......por eu ser sportinguista.
As minhas palavras serão fracas e não conseguirão alguma vez agradecer e ter o significado que o meu coração sente por este dia. A nossa casa mais que merecida está de pé e inaugurada mas não vimos lá João Rocha nem Moniz Pereira. Não vimos presencialmente mas acredito que os dois estiveram e estarão sempre naquela nossa nova casa. 
Provavelmente os mais jovens não saberão o verdadeiro significado desta obra nem do que escrevo e as obras são sempre para se fazerem melhores e maiores e os recordes fizeram-se para se baterem mas o que estes dois senhores significam para mim e para o Sporting hoje ainda é inigualável. Talvez mais tarde o percebam!
Obviamente que a nossa história está cheia de ídolos , de referências leoninas mas desculpem-me os outros porque estes dois senhores são Deuses do Sporting Clube de Portugal. Porém não quero que esta direcção, com Vicente Moura englobado, fique melindrada com estas palavras e a eles também quero dizer que do fundo do meu coração agradeço tudo o que fizeram para se conseguir este Pavilhão. 
E agora nem me interessa muito saber se foi com Doyen´s ou que os outros quiseram menos porque somente quero contemplar a obra e um dia destes ir saboreá-la. 
Já sabemos que é um erro corrigido na história do SCP mas o que interessa é que este Pavilhão, esta casa, significa uma maior liberdade do Clube porque a partir de hoje não temos que jogar na casa de outros-já temos a nossa, o nosso Castelo e isto é muito importante.
Olhando para trás vemos que não tinha sentido um Clube não dar uma casa a quem mais contribuía para o Museu e apostar quase exclusivamente no futebol, ou seja, o ADN que João Rocha reforçou no Clube ou que o fomentou ainda mais foi colocado em causa. Algumas modalidades do Sporting foram inclusive extintas e isso foi um golpe muito duro no nosso Clube, nos sportinguistas e no ADN do Sporting.
Todos os sportinguistas ficaram feridos desde então mas hoje, sim hoje (parece inacreditável não é?) essas feridas ficaram saradas de vez porque alguém cumpriu o que prometeu - esta direcção do SCP! Assim são os homens e as pessoas capazes e competentes, assim é esta direcção goste-se menos ou mais!!
Mas como em tudo na vida nada é perfeito.
Sim esta obra e o Estádio não são perfeitas! É que, quer no Estádio ou no Pavilhão, falta a tal pista de tartan que o srº Atletismo tanto gostaria de ver. Sei no entanto que se sonharmos mais um pouco conseguiremos vê-la quando olharmos por exemplo quando a Patrícia saltar ou quando virmos a Sara cortar a meta na Maratona mas enquanto João Rocha é homenageado com o erigir da casa que albergará as modalidades que tanto fomentou no ADN do Sporting fica a faltar essa grande referência ao Professor. Estou simplesmente a sonhar...........e quando sonho vem-me tantas vezes á mente quando o Prof. dizia aos seus pupilos que nem com um terramoto se parava de treinar. Pois bem, penso portanto que se nos desafiarmos permanentemente e levarmos o lema do nosso Clube á letra os sonhos concretizam-se e que o digam muitos atletas que o Prof. formou, treinou e fez serem enormes e passarem a pertencer á história do SCP.
Sei que algo está planeado até porque BdC já o disse mas se me permitem depois de saborear esta obra quero já pensar na próxima e essa quero-a com o nome do professor s.f.f.!! E penso já na próxima obra como penso em tornar o nosso Sporting ainda maior do que os maiores da Europa.
Esse tem que ser o nosso pensamento pois este é o caminho do nosso Clube, um clube ecléctico que tem princípios e valores mais altos do que vencer a todo custo, custe o que custar e fazendo uma feira todos os Verões com os seus atletas.
O Sporting já é enorme mas somos todos nós, juntos e contribuindo para as nossas modalidades e com obras destas que o podemos tornar ainda maior do que os maiores clubes da Europa. E mais não digo pois como disse, todas as palavras são poucas para exprimir os meus sentimentos.
A terminar, e até aqui tenho que agradecer grandemente ao Presidente eterno João Rocha e ao Professor Mário Moniz Pereira que é dos seres humanos mais extraordinários que vi, obrigado do fundo do coração por eu ser sportinguista.
Viva o Sporting Clube de Portugal! 

Se ainda não seguem AmorSporting podem começar desde já. Obrigado. 
AmorSporting no Facebook(link
AmorSporting no Twitter(link)

Sem comentários :

Enviar um comentário

Comente em AmorSporting: