domingo, 9 de abril de 2017

Sporting goleia com nota artistica e hattrick de Dost


Finalmente o Sporting jogou á...Sporting!! Na recepção á Pantera o Leão foi muito mais forte e goleou por 4-0 com Bas Dost a assinar mais um hattrick que o coloca no topo dos melhores marcadores europeus a par de Messi. Esta vitória, com nota artística, coloca mais pressão no nosso rival que não pode falhar mas o FC Porto venceu mantendo os mesmos 7 pontos de avanço.
Quanto ao título, enquanto matematicamente for possível ...nunca se sabe.
Foi seguramente um dos melhores jogos do Sporting desta temporada. Se olharmos para trás vemos que no principio da época realizámos bons jogos e este frente ao Boavista faz-nos acreditar que esta equipa está a reencontrar-se como o bom futebol.
Vimos a ganhar há várias jornadas mas as exibições não têm sido bem conseguidas mas ontem, em Alvalade e mais uma vez com muitos adeptos, demos muito boa conta de nós!! Belo jogo de futebol!
O suspeito do costume voltou a aparecer e assinou mais um hattrick que o deixa a par de Leonel Messi no topo dos melhores marcadores europeus. O camisola 28 do Sporting já conta com 27 golos e quem diria que lutaria pela bota de ouro com outros grandes goleadores como Lewandowski, Cavani, Messi, etc? Simplesmente fantástico!
Entretanto o seu registo de golos com 25 jogos igualou o de Slimani na época passada mas este com 33 jogos o que não deixa de ser assinalável pois quando pensávamos que tão cedo não surgiria ninguém que ultrapassasse essa marca eis que o holandês chegou, viu e venceu. 
Mas o jogo até nem prometia muito á excepção de um remate de Bruno César que ia dando em golo!
No principio as equipas encaixaram, não se deixavam jogar nem construir jogo pelo chão pressionando lá bem na frente e obrigando os guarda-redes a colocarem a bola comprida mas aos poucos o Sporting conseguiu colocar ordem na partida e trocar a bola e partir para um bom jogo. 
A novidade na equipa foi a saída de Gélson(creio que por lesão) e a entrada de Podence para a sua posição. E que jogo fez Podence! E nós a gastarmos dinheiro em estrangeiros!!
No resto da equipa nada de novo. Equipa: Rui Patrício, Schelotto, Coates, Rúben Semedo, Marvim, William Carvalho, Bryan Ruiz, Podence, Bruno César, Alan Ruiz e Bas Dost.
A equipa foi então colocando a bola no chão, assentando o jogo e aos 20 minutos o outro suspeito do costume, Alan Ruiz, numa grande assistência de Schelotto abriu as hostes com um pontapé certeiro já no coração da área adversária. E já lá cantam 6 golos para o argentino que começa a dominar melhor os processos de jogo e ontem fez 90´ de muito bom nível.
O Sporting com este golo embalou para uma boa exibição que já fazia falta aos jogadores e aos adeptos. 
O Boavista foi desde cedo uma equipa mexida mas cometeu erros que se pagam caros. No 1º golo a pressão de Podence fez-lhe ganhar a bola e fazer com que Schelotto assistisse para o 1º golo da noite e o 2º golo do SCP também foi de outro erro clamoroso que deu para Bas Dost construir o seu hattrick.
Digamos que o SCP depois de acertar as marcações dominou a partida e não marcou mais golos porque o guarda-redes boavisteiro impediu. Tivemos sempre o jogo controlado e nem mesmo depois das substituições demos hipóteses.
Para provar o nosso domínio, Rui Patrício não fez uma defesa digna de registo.
Gostei. Gostei muito de ver o SCP de volta ás boas exibições e apetece-me perguntar onde andou esta equipa que ontem vimos jogar. Por onde andou este Marvim que se tivesse mais cérebro podia ser um grande jogador; por onde tem andado Bryan Ruiz que curiosamente desde que joga ao lado de William tem mostrado mais futebol e onde andava este Bruno César remador e senhor de boa técnica individual?
Com Adrien no banco mas com Bryan no seu papel o SCP conseguiu fugir das marcações nortenhas e os nossos dois médios pegaram no jogo. Bryan mais pela esquerda e William mais pela direita pautaram o nosso ritmo que quando aumenta proporciona muito mais perigo aproveitando os desequilíbrios criados no adversário. O costa-riquenho com a bola nos pés é um senhor se bem que ainda não esteja no seu auge.
O Sporting teve mais posse de bola e mesmo sem Gelson Martins as oportunidades de golo foram várias. Rematamos mais á baliza do normal e quer Podence e Bruno César mostraram aquilo que valem. Na esquerda a experiência do brasileiro deu para oferecer dois golos de bandeja a Dost mais a grande penalidade e na direita tivemos velocidade , garra, técnica mas alguma inexperiência que lhe ´roubou` um golo quando ía isolado e o quis oferecer.
Ao intervalo até poderíamos ter mais golos mas o 2-0 foi o resultado registado.
E quem esperava um Sporting resignado na 2ª parte enganou-se. A equipa veio na disposição de fazer mais golos e de continuara com nota artística.
É claro que o entendimento entre Schelotto e Podence não é o perfeito mas já deu para ver que mesmo sem Gelson temos dupla para apostar.
Na esquerda o entendimento entre Marvim e Bruno César foi melhor. Não que Marvim com esta qualidade não desse para o que desse e viesse mas ainda não tinha visto tanta segurança deste lado como ontem.
Eu que digo tanto mal de Marvim ontem tive que me calar e perguntar porque não joga sempre desta forma e como na ultima época! Alguém explique mas não me venham com falta de confiança pois no SCP isso não pode acontecer por muito que nos tentem derrubar.
Mas esta 2ª parte trouxe logo a abrir uma penalidade. Canto marcado na esquerda do nosso ataque para a entrada da área e Bruno César quando entra na mesma é impedido por um boavisteiro. O árbitro que teve algumas duvidas assinalou a marca de penalidade e Bas Dost fez o seu 2º golo da noite. Era um bom prenuncio para a 2ª metade do jogo.
A toda continuou com o SCP a circular a bola e a continuar a ter o domínio mas tudo melhorou quando Adrien substituiu Bryan ainda com meia hora para jogar. Grande ovação que teve o nosso capitão.
Curiosamente logo de seguida marcaríamos o nosso 4º golo e o 3º de Dost numa grande assistência de Bruno César.
Até final ainda tentámos aumentar o score mas as alterações realizadas por JJ tiraram alguma velocidade á equipa mas também menos clarividência no jogo. De uma assentada entraram Campbell e Francisco Geraldes tendo saído Bruno César e Podence.
Campbell é sem duvida um excelente valor individual e muito perigoso no ultimo terço do campo mas demora a soltar a bola e com isso dá para o adversário fechar-se e Geraldes  pelo que se viu é outro jogador que nos vai dar muitas alegrias. Geraldes é no entanto um jogador para jogar no centro e não na linha. As suas caracteristicas são de 8 ou de 10 e não de extremo como se viu ontem por onde ele tentava jogar. Penso no entanto que JJ quis-lhe dar minutos e foi onde podia jogar sem tirar o Alan que jogava bem.
Geraldes tem bons pés, boa técnica e grande visão de jogo mas ontem foi só uma amostra do que sabe fazer. Com mais rodagem temos uma grande alternativa para o plantel.
O jogo terminaria com 4-0 e o resultado foi inteiramente merecido.
É difícil de eleger o melhor jogador da equipa num jogo destes pois todos fizeram uma boa partida mas quando um avançado marca três golos acho que esse homem está encontrado. No entanto queria dar destaque a Bruno César, a Podence e a Alan Ruiz que fizeram um grande jogo. O Bruno deu todos os golos ao Bas Dost, Podence mostrou toda a sua categoria e voltou a deixar água na boca e Alan Ruiz voltou a marcar mas surpreende a cada jogo que passa. Sabe desmarcar-se, jogar entre linhas, remata com ninguém e até se viu a defender e a tentar recuperar a bola que tinha perdido. Muito bem.
Só um reparo ao argentino: mete gelo nisso rapaz pois há quem te vá provocar para te tirar do jogo!
Agora é continuar a acreditar e fazer também o que nos deixarem fazer pois não dependemos só de nós.
Bom jogo de futebol.

Apoie AmorSporting. Obrigado.

Sem comentários :

Enviar um comentário

Comente em AmorSporting: