sábado, 12 de novembro de 2016

Balanço à 10ª jornada


Á 10ª jornada o Sporting encontra-se no 2º/3º lugar da classificação e a 5 pontos do líder do campeonato!
Ao contrário da temporada passada, os nossos jogos fora têm sido onde temos claudicado mas os realizados em Alvalade mostram que somos o melhor ataque da prova. As exibições têm oscilado muito mas talvez tenhamos encontrado o 11 tipo no jogo frente ao Arouca.
Estamos unidos e na luta por todos os nossos objectivos!
Ninguém gosta de estar a 5 pontos da liderança e atrasado na corrida pelo titulo mas nem tudo é mau, como alguns pintam por aí.
As expectativas estão altas e os maus resultados originaram algum descontentamento, como é normal. No entanto nada está perdido e os nossos objectivos estão todos alcançáveis e possíveis de conquistar. E as nossas expectativas nunca estiveram tão altas pois em relação ao mesmo período mas da época passada estávamos na liderança com 26 pontos(8 vitórias e 2 empates), com 19 golos marcados, apenas 5 sofridos, o Benfica estava a 7 pontos e estivemos na luta até á ultima jornada. 
Olhando para hoje, os pontos conquistados são menos 5(21), os que temos de atraso para o 1º classificado, e temos 20 golos marcados e 10 sofridos(mais 5 que em 15/16). 
Podia ser melhor pois podia!!
Também conseguimos ver que Alvalade é a nossa praia e á semelhança dos nossos rivais só temos 1 empate para estragar os 100% de vitórias. No entanto temos mais 2 jogos do que Benfica e 1 do que o FC Porto. 
Somos assim o melhor ataque em jogos em casa com 15 golos marcados sendo que 6 deles foram apontados por Bas Dost. Aliás, o holandês é o 3º melhor marcador da Liga 16/17 atrás de Marega(V. Guimarães-10 e André Silva-7 golos)!
No total, num máximo de 30 pontos só conquistámos 21 que são reflexo de 6 vitórias, 3 empates e uma derrota.
Desta forma também podemos comprovar que quando JJ disse que o nosso problema é defensivo e não ofensivo sabia do que falava. É que ter 10 golos encaixados á 10ª jornada dá uma média de 10 golos sofridos por jogo. É muito!
Mas ainda sobre a nossa classificação faço também a seguinte comparação:
A nossa realidade é a do nosso rival no ano passado: jogadores novos, pré-época atípica, falta de adaptação de alguns desses jogadores e procura de um equilíbrio táctico. Isso criou-lhes 7 pontos de atraso que souberam, recuperar. Se saberemos nós também fazê-lo é a questão que fica!!
É lógico que ninguém gosta de estar a 5 pontos da liderança da Liga mas há factores que ajudam a explicar os maus resultados, isto sem querer arranjar qualquer tipo de desculpas.
Este de facto foi o caminho escolhido pelos responsáveis leoninos e há que assumi-lo!
Ter contratado 12 novos jogadores e quase todos a chegarem no ultimo dia de mercado é um factor determinante pois acabam por estar, neste momento, a realizar a pré-época e a adaptação já se sabe que por vezes não é assim tão rápida quanto o desejado. Depois e obviamente, que a lesão de Adrien piorou a situação mas a oscilação do 11 por parte de JJ também não ajudou. 
Assim, o equilíbrio que por exemplo na época passada tínhamos com Slimani, João Mário e Teo Gutiérrez demorou a conseguir mas penso que neste ultimo jogo com o Arouca isso foi conseguido!
Sem esquecer Madrid, colocar Bryan no apoio a Dost e Campbell, mais adaptado, na ala esquerda penso ser o mais correcto a fazer na nossa equipa. Isso notou-se e houve jogadores que subiram bastante de produção.
Assim, com Rui Patrício na baliza, João Pereira ou Schelotto na direita(com qualquer um deles ficamos bem servidos), com Coates e Rúben no eixo defensivo, Jefferson na esquerda(contratava Emmanuel Mas), com William e Adrien no miolo do campo, Gelson e Campbell nas alas e Bryan e Dost na frente encontrámos o tal equilíbrio desejado. 
Agora, e depois desta paragem para as selecções que penso não vir em boa altura pois precisávamos de aprimorar este equilíbrio, é assumirmos o prejuízo, jogar-mos bom futebol, sermos uma equipa na ascensão da palavra e mostrarmos a todos que somos fortes e que queremos muito vencer.
Estamos na Liga dos Campeões e temos uma palavra difícil, decisiva mas não impossível, na próxima semana frente aos campeões europeus, estamos na Taça de Portugal e com certeza iremos estar em mais uma eliminatória pois recebemos o Praiense em Alvalade(sempre respeitando o nosso adversário) e vamos começar a disputar a Taça da Liga(CTT). 
Portanto os nossos objectivos estão todos alcançáveis e com certeza que com este apoio fantástico que temos dado á nossa equipa seremos mais fortes e difíceis de derrotar.
Deixar de acreditar? Nunca!
Deixar de apoiar mesmo sabendo que as expectativas estão altas? Nunca!
O Sporting nunca esteve tão forte, tão bem organizado e estruturado como agora e uma ´equipa` não se forma de um dia para o outro. Temos uma boa estrutura, bons técnicos, bons jogadores, as modalidades estão bem orientadas, prontas e desejosas de títulos, teremos um Pavilhão muito dentro em breve e o Mundo Sporting está cada vez maior, mais forte e presente nos 5 continentes!!
Há obstáculos a ultrapassar, pois há! Mas a vida é mesmo assim. Só temos que ser fortes e saber ultrapassá-los. Se juntos....melhor!!
Viva o Sporting Clube de Portugal.

Sem comentários :

Enviar um comentário

Comente em AmorSporting: