terça-feira, 4 de outubro de 2016

É tempo de curar as feridas


A Liga vai parar quase 20 dias mas entretanto há jogo para a Taça de Portugal e Liga dos Campeões. 
De qualquer forma a nossa equipa pára aproximadamente 2 semanas até viajar até Famalicão.
Há quem diga que os jogadores, para corrigir logo os erros, desejam jogar imediatamente mas uma paragem para pensar onde se pode melhorar ...não fará mal ou até seja ...bom!
No campeonato da época passada sofremos 21 golos e isso traduziu-se na melhor defesa da Liga.
Pois bem, esta temporada já temos 9 golos sofridos em 7 jornadas.....o que se traduz em quase metade de todos os golos sofridos em 2015/2016. É muito. É mesmo muito golo e só 6 golos foram sofridos em 2 jogos!!
Mas atenção não é só em dois jogos, é em dois jogos fora e sempre a acompanhar as mudanças na equipa por Jorge Jesus. Pois: sempre que JJ muda a equipa e joga fora.... aí vão mais 3 golos de uma assentada!! 
Em Vila do Conde mudou lateral direito e lateral esquerdo e em Guimarães....voltou a fazê-lo com a diferença de Zeegelaar ter jogado na vez de ....Bruno César.
Está então este facto relacionado com estes contratempos? Para mim ....sim!
Já o disse várias vezes que não gosto muito destas rotações se bem que desta vez quase davam certo.....mas não deram e isso é o que interessa!
Mas não culpei o árbitro pelo nosso empate? Sim, e voltaria a fazê-lo porque teve influência no resultado mas não podemos agarrarmo-nos só a esse facto. 
Com o Real Madrid também sofremos golos no final da partida o que nos deixa a sensação de que a equipa não está a fazer tudo o que devia fazer para congelar os jogos quando está quase a terminar e com o resultado em nosso favor. 
Ok! Então temos jogadores em comum no empate e na derrota e também mudanças na equipa!
De quem é então a culpa?
Será de Jorge Jesus? Será de alguns jogadores em questão? Da equipa já sabemos que é porque quando perdemos, perdemos todos!!
O que nos está a faltar e no que estamos a fazer de errado?
É precisamente essas questões que precisamos analisar nestes dias de interregno da Liga!!

Não faltam opiniões e criticas que por estes dias incendeiam estes espaços mas as que mais interessam são que falam de futebol em si e não nas próximas eleições!
Vou começar então pelo nosso treinador.
Mais uma vez mudou a equipa e deu-se mal. Então, sim ou não á rotação? 
É de facto uma questão muito discutida e que vemos que uns concordam e outros não. No entanto as duas opiniões são válidas e com sucesso.
Vejam-se os resultados das equipas das competições europeias desta jornada passada e digam-me que não foram alguns surpreendentes! E porquê??
Cansaço e jogaram os mesmo jogadores ou existe uma rotação nas equipas?
Eu penso que existirá as duas situações sendo que para existir uma rotação de jogadores o plantel tem que ser muito bom para que as mudanças não se notem!
Por outro lado e explicava o nosso ex-preparador físico João Aroso que os jogos da Champions são jogados a um ritmo muito elevado e isso causa mais desgaste e a motivação de um jogo para o outro, isto é, em competições diferentes também influencia. João Aroso também referiu que um jogador não recupera totalmente em 72 horas!
Ora, mas se na segunda questão os técnicos são pagos para os saberem motivar já na 1ª temos que saber o que fazer e decidir. JJ decide rodar a equipa , outros, preferem utilizar a mesma equipa para não se perder rotinas de jogo.
Para mim, continuo a dizer que não aprecio muito a rotação e ainda por cima em jogos fora de casa e pior...contra bons adversários e complicados como Rio Ave e Guimarães.

E chegamos ao nosso plantel.
Tem o nosso plantel ou não soluções boas e suficientes para todas posições e contando com a tal rotação? 
Na minha ideia e penso que na de muitos sportinguistas....não! 
E não porque os jogadores que chegaram alguns têm nome e não são , pelo menos para já, os reforços que tanto precisávamos. 
Vejamos: 
Para o meio chegou o Douglas mas ainda não jogou...porque veio muito tarde. Graças á nossa politica de contratações o brasileiro demorou uma eternidade a chegar. Obviamente que não tem rotinas e é por isso que jogou pela equipa B.
Para a esquerda não chegou ninguém e Jorge Jesus continua a apostar em Zeegelaar que neste jogo desapontou-me muito. Como é possível que com tanto potencial se façam faltas desnecessárias e se criem livres perigosos contra nós? Ficou a faltar a vinda de um lateral esquerdo que fizesse a diferença!. De qualquer forma andar sempre a mudar de lateral esquerdo e direito penso não ganharmos nada com isso.
Para o meio campo chegou Petrovic que, goste-se ou não, quase não jogou mas que também não tem tido oportunidades. Para o mesmo sector também regressou o Elias que no meu ver ainda não é o reforço que precisamos que seja. É muito parado e vê-se que ainda não tem aquele á vontade de ter a bola. Em Guimarães viu-se que se libertava demasiado cedo da bola e era William que saía a jogar.
Depois o Paulista que ao principio estava a entrar mas que de repente desapareceu.
E então pegando no nosso meio campo eu faço outra pergunta:
-Porque é que na defesa faz rotação e no meio campo não?
Sabemos do valor de Adrien e William mas não estarão tão cansados como o João Pereira e Jefferson? Aqui já não fez rotação porque estes dois jogadores aguentam mais que os nossos laterais? Correrão mais os laterais do que os do centro do terreno?
Pois.....para mim os jogadores deveriam jogar todos os jogos e só realizar rotação em casa e com adversários mais frágeis. NUNCA em Vila do Conde e em Guimarães!!
E até podemos ver que esses jogadores poderiam ter dado tudo o que tinham pois agora vão parar várias semanas no Clube. Durante o interregno muitos deles podem aproveitar para descansar um pouco!
Mas não!! 

JJ é o culpado?
A meu ver ....NIM!!
A culpa não morre solteira mas nunca pode ser só do treinador. Quantas vezes não fez JJ o mesmo e deu-se bem? E em Guimarães quase que as coisas saiam bem.
E na época passada mudou a defesa toda em Janeiro e mesmo assim fomos a melhor defesa!
Não provará isto que das duas formas se chega ao sucesso? Eu penso que sim e apesar de eu não apreciar esta rotação, continuo a acreditar no nosso técnico , na nossa equipa, no trabalho efectuado, e nesta direcção.
As provas são mais que evidentes!
Será então a equipa a culpada?
Ora, esta é sempre a culpada pois como eu disse todos o são e isso é o que define uma equipa! Quando perdemos, perdemos todos!!
O que se diz é que não pode acontecer estarmos a vencer por 0-3 e deixarmos o adversário fazer tudo! Temos que fazer mais faltas, matar o jogo a meio campo ou nas laterais. Chamasse congelar o jogo!
Acontece que não sei porquê esses pormenores não estão a ser concretizados.
O futebol é assim e resta-nos trabalhar mais e mais para que não se volte a repetir.

E o que aconteceu é azar?
Não. O futebol é um jogo de erros e quando alguma equipa falha é normal que a outra tente aproveitar. é o que tem acontecido e os nossos adversa´rios têm sempre mérito de acreditarem e de conseguirem aproveitá-los.
A nós dói mas fomos nós que errámos e demos essas oportunidades ao Rio Ave, ao Real Madrid e agora ao Vitória.
Somos nós que temos que melhorar e esta paragem pode tranquilizar as coisas na equipa.

Para quê entrarmos em depressão?
Não percebo! A 3 pontos do líder do campeonato significa que já não o vamos vencer? mas não se aprendeu nada o ano passado e em outras situações no futebol?
Se estavam á espera que isto seria um passeio e que a equipa de sonho ia vencer os jogos todos....acordem s.f.f., ninguém disse que ia ser dessa forma!
As expectativas estão mais altas do que nunca e isso compreende-se.
O investimento é maior, a equipa parece ser melhor e mais apetrechada e os adeptos sentem isso e vêm que somos na realidade uma grande equipa.
Ainda falta muito por jogar e muitos pontos para perder e outros para conquistar e o que podemos fazer de pior é pressionar ainda mais a nossa equipa.
Não podemos desanimar por muito que estejamos tristes!
As conquistas alcançam-se com perseverança, muito trabalho, luta, esforço, dedicação e por muito que não gostemos ....de muito sofrimento.
No fim esperamos que este sofrimento se torne em comemoração e felicidade mas se nos desunirmos....aí é que não vencemos nada!

Por mim não há culpados assumidos nestas derrotas e neste empate.
Somos todos que temos que melhorar e é isso que já estamos a fazer no treino seguinte. O caminho é trabalhar sempre com afinco e com o objectivo de sermos melhores.
Se falhámos vamos tentar corrigir os erros.
Se vencermos vamos ver o que fizemos bem para repetir ou continuara a fazer.
Nós temos um grande treinador, grandes treinadores adjuntos, grandes jogadores, uma grande equipa, uma família que está cada vez maior, mais unida e mais forte, a relação equipa/adeptos/treinador/direcção é fabulosa e é com muito trabalho que vamos chegar ao sucesso.
Quem se descurar nesta matéria é porque não tem fibra de Leão e só está a deixar-nos mais lentos e pesados.
A equipa vai corresponder pois já nos habituou a isso! Quanto a nós, vamos continuar a  apoiar, que é o que fazemos de melhor, e aqui........ já somos os melhores!!
Força equipa!!

Sem comentários :