terça-feira, 31 de maio de 2016

Difíceis negociações


Que difíceis negociações!
Todos os Verões é a mesma coisa: muita calma e muito jogo de paciência! Mas ainda não se viu que esta táctica é traiçoeira? Já perdemos quantos jogadores devido a esta......paciência toda?
É óbvio que também conseguimos bons negócios desta forma mas será sempre desta forma que o Sporting fará negócio? 
Haja ....paciência!!
Tempo é dinheiro!!
Não pretendo ser injusto com quem chegou ao Clube pois quem cá estava nem sabia negociar! Sei que esta direcção sabe negociar e a prova disso são os contractos novos, são os antigos deixados pelas outras direcções que estão resolvidos mas em termos de negociar jogadores já demos bastantes tiros nos pés. 
Esta forma de negociar deixa-nos a suspirar por um bom jogador mas há sempre um ....entrave pelo meio. Porquê? Somos nós que escolhemos os jogadores em ´litígio` ou demoramos muito no fecho das negociações?
Também acredito que existam outros problemas mas também é porque não os acautelamos como no caso do argentino Cervi. 
Ou vem ou não vem, ponto! Agora andamos em jogos de paciência e a perder o nosso tempo para depois os empresários irem meter tudo nos outros Clubes e lá se vai um bom negócio! Não podemos demorar muito tempo e para isso ou o jogador baixa o salário ou partimos para outro.
O que não faltam para aí é bons jogadores.
Desta forma também demoramos a ter a nova temporada preparada com a devida antecedência. É verdade que não existe quem a tenha toda preparada e até teremos muito do trabalho feito mas para mim é muito tempo de volta de um jogador.
Provavelmente o Sandro, o Douglas e o Eduardo, a esta hora, já andaram pelos gabinetes dos rivais!!
O que eu vejo disto tudo é que o Sporting só sabe negociar com paciência....muita paciência.
É o Douglas pelo 2º ano consecutivo, é o Sandro que aufere muito e que só vem se baixar o salário, é o Eduardo que só chega se se desvincular do D. Zagreb e que a vir só depois do Euro, foi o Bryan Ruiz, foi o Teo, foi o Schelotto, enfim.......todos bons jogadores mas que 1º têm que suportar todo um jogo de paciência e tempo, já para não falar que alguns nem chegam ao Sporting.

Apesar de algum sucesso gostaria que tudo fosse diferente!
1º- Gostaria que nunca se soubesse quem são os alvos do Sporting. Este facto só aconteceu no 1º ano com Augusto Inácio como Director Desportivo. A partir daí tudo se sabe e é impossível fazer negócios dessa forma!
2º- Se o empresário ou o Clube que representa o jogador falar para a imprensa o negócio fica sem efeito. Tem que ser assim pelo menos na maioria dos casos pois não podemos deixar que digam e façam tudo com o nome do nosso Clube.
É que desta forma fazem aumentar a procura e consequentemente aumenta o valor do jogador. 
3º- Não demorar muito tempo em negociações. Tudo se vai saber e será muito mais difícil de conseguir concretizar o negócio. Também muito provavelmente o jogador irá para outro Clube pois aparecerá alguém a dar mais e já se sabe como estas coisas funcionam.

Realmente faz-me confusão demorar-se tanto tempo com uma negociação.
Porque não entrar numa negociação e terminá-la em dias?
Reparem:

Sandro:
No caso do Sandro, o West Bromwich tem uma cláusula de opção mas o atleta não quer ficar lá e então só vem se ela não for exercida e se baixar consideravelmente o seu salário que aufere em Inglaterra; 

Douglas Teixeira:
No caso do Douglas já é o 2º ano que se fala que pode chegar ao Sporting. 
Este ano é porque tem salários em atraso e não sai enquanto não lhos pagarem mas na época passada foi para onde lhe pagavam mais.....será que aprendeu a lição?
O salário também vai ter que baixar.

Eduardo:
O guarda-redes é outro problema e lá vem o jogo de paciência.
Só virá se se desvincular do Dínamo, se baixar o salário e pelos vistos só se o Sporting lhe oferecer um contracto de 3 anos.
Já agora para quê contratar o Eduardo com 33 anos e não um guarda-redes que possa ser o sucessor de Rui Patrício dentro de uns anos?

Também me faz confusão como se sabem estas coisas todas? Ou serão mentira? Estas informações saem de dentro do Clube ou dos empresários e jogadores?
De qualquer forma é muito tempo.

Na época passada foi o mesmo com:

Teo Gutiérrez:
No caso do Teo foi a mesma coisa com os salários que tinha em atraso. Só saiu quando os pagaram mas para isso acontecer foram uns 2 meses de espera. Haja paciência!!

Bryan Ruiz:
Foi a nossa melhor contratação do Verão passado. Também foi preciso esperar uma eternidade pois o jogador não queria jogar na II Liga inglesa e teria que baixar o seu salário pois de outra forma não teria vindo.
Não deve estar arrependido!!
Foi sem dúvida o maior sucesso com esta forma de negociar.

Eu sei que procurar em mercados mais económicos não será bem o melhor pois se o jogador é jovem e barato é porque também vem sem experiência e o trabalho a ter com ele é outro. O mais fácil é chegar a Ligas como a Championship ou a jogadores com alguma experiência como Teo, Bryan, Schelotto, Sandro e Eduardo e esperar que baixem os seus salários pois não querem continuar a jogar onde estão.
O atractivo, para os convencer, é ter Jorge Jesus, a Champions e de chegarem a um Clube que luta por títulos e então só nos resta mesmo esperar com muita paciência pela decisão do jogador e empresário.
Gostava que tudo fosse diferente!!

O que eu não gosto é de saber que andamos a preparar o caminho para os outros. Outros que também sabem dos jogadores que nós queremos, isto é, que JJ deseja. Não fosse ele o conhecedor dos jogadores que a sua equipa procurou durante 6 anos do outro lado.
É normal que assim seja pois não se apagam 6 anos de trabalho e de visionamento de jogadores. Daí o Cervi, o Mitroglou e outros mas com tanta paciência, vai-nos acontecer mais vezes.
Por isso é que para mim ou é ou não é!! 
O Douglas era tão certo que vinha que foi parar á Turquia, o Mitroglou era certo que vinha que acabou onde sabemos, o Cervi a mesma coisa.....enfim...esta para mim não é a melhor forma de negociar pois corremos muitos riscos e a única forma de me alegrarem é surpreenderem-me e contratar jogadores que ninguém saiba que os desejávamos.
Façam como fizeram com o Montero que só se soube quando já estava em Alvalade mas também como fizeram com tantos outros que não esgotaram o tempo todo a negociar.
Surpreendam-me se faz favor!

Sem comentários :