sábado, 12 de março de 2016

Jornada do LEÃO(26ª): Sporting vence Estoril e é líder (1-2)


Iniciava-se hoje uma das 9 finais com o Sporting obrigado a não perder pontos. Foi o que aconteceu e eis mais 3 pontos e subida á liderança da Liga á condição. Slimani marcou por duas vezes, a nossa equipa fez uma grande exibição mas acabou com o coração na boca. Sem necessidade......

Jorge Jesus voltou a mexer na equipa mostrando qual é a nossa futura defesa. Colocou Schelotto na direita, Rúben Semedo ao lado de Coates, Zeegelaar na esquerda, Aquilani na vez do castigado Adrien , Teo ao lado de Slimani e Bryan voltou á esquerda do ataque. 
Eis o onze: Rui Patrício, Schelotto, Coates, Rúben Semedo, Zeegelaar, William, Aquilani, João Mário, Bryan, Teo e Slimani. 
Nos 1ºs minutos da partida foi grande a luta no centro do terreno pela posse de bola. Existiu um grande aglomerado de jogadores por ali e o Estoril até consegui ter algum ascendente. 
Porém o Sporting marcou por Slimani aos 4´ e a partir deste momento tudo foi diferente. Schelotto serviu Slimani no ataque que 1 ganha o ressalto mas depois dribla para o centro e ajeito do seu pé direito que faz um golaço. O jogo prometia e Sli voltava aos golos.
A partir deste momento o Sporting tomou conta do jogo e dominou todos os aspectos do jogo. 
Mas que grande 1ª parte do leão. William e Aquilani mandavam no jogo e o Sporting exagerava na posse de bola. 
A pressão era constante e enorme e as bolas recuperadas rapidamente davam em jogadas perigosas que deram em mais um golo para Slimani. A bola foi recuperada e colocada em Bryan que da linha final cruzou para a cabeça do argelino. Mérito também para Sli que aguentou bem o salto do defesa e se antecipou ao adversário. 
A partida foi com o resultado justo para o intervalo.
No reatamento mais do mesmo. William e Aquilani dominaram a partida e tínhamos muita posse de bola mas agora tentávamos ser mais rápidos na mudança de flanco. Não marcámos para matar o jogo e o Estoril poderia ter reduzido por Mendy que foi algo lento e permitiu a mancha de Rui Patrício. 
O domínio era tanto que JJ realizou a 1ª substituição aos 65´ trocando Teo por Bruno César. 
Aos 71 minutos João Mário poderia ter fechado a partida e isolado rematou mal ao lado da baliza canarinha. 
E quem não marca sofre. Canto na esquerda do Estoril e a bola ressalta para Leo Bonatini que ficou sozinho ao 2º poste fazendo o golo que fez renascer o Estoril. 
Faltavam 12 minutos para o final e não era necessário termos acabado a partida com o coração na boca. JJ ainda trocou João Mário por Barcos mas o jogo estava praticamente no fim.
Antes do apito final,  o srº Mota esticou os 3´ de compensação e foi mesmo o Estoril a ter uma oportunidade ao cair do pano. Rui Patrício defendeu e o Sporting subiu á liderança da Liga.
Como melhor jogador do Sporting elejo Slimani que voltou a ser um Mouro de trabalho. Para além de ter marcado 2 golos ainda conquistou muitos lances aéreos, pressionou a defesa contrária durante toda a partida e não deu nenhuma jogada por perdida.

4 comentários :

Anónimo disse...

A verdade é que a equipa não está a jogar a ponta de um corno.

Rui Cerdeira Fernandes disse...

Desculpa amigo mas não posso concordar consigo. Em Guimarães fizemos uma exibição excelente só pecando na finalização. Contra os benfas não jogámos tão bem, é verdade mas tinha sido o suficiente para vencer se aqueles dois lances têm entrado e hoje voltámos a jogar a um bom nível. Não se consegue é tapar tudo e uma das provas do que lhe digo é mesmo Rui Patrício ter muito pouco trabalho nestes 3 jogos.
Para mim é só a concretização mas.... Slimani está de volta.

Anónimo disse...

É bom ter a consciência que hoje e em Guimarães, o Sporting jogou contra equipazinhas de merda que não jogam coisa nenhuma por isso é normal que o Sporting jogue mais e domine o jogo. Também é normal e até mesmo um dever o Sporting ganhar a equipas a sim sem sofrer mas pelos vistos não é capaz.

Rui Cerdeira Fernandes disse...

Mais uma vez discordo de si amigo. O Vitória e o Estoril estão na luta pela Europa e o Benfica foi reduzido a pó na 2ª parte. Ainda para mais jogámos fora em Guim. e Estoril. Se me falar no estrangeiro isso é outra conversa mas em Portugal somos a melhor equipa e atenção a que temos orçamento mais baixo dos 3 grandes.