sábado, 6 de fevereiro de 2016

O SCP teme a transparência?


O Jornal Record, que sabe sempre o que publica o Football leaks, noticiava palavras deste site que se diz lutar pela verdade no futebol. Era referido que o nosso Clube e a Doyen temiam a transparência, provavelmente por terem escarrapachado a nossa vida quase toda no espaço cibernético mas claro que sobre este aspecto só podemos falar por nós. O pior será mesmo sobre a Doyen que parecem estar desertinhos para os apanhar(já lá vamos).
Mas se o Sporting teme a transparência porque é que de tudo o que já tornaram publico não existia nada de ilegal?
Algum contracto é suspeito ou o nosso Clube enganou alguém ou até Bruno de Carvalho realizou algum contracto prejudicial ao Sporting? Nada, zero!!
Eis então perguntar: 
-Porquê perder tempo com a vida do Sporting se já se constatou que não existe nada de ilegal nem suspeito? 
-De tantos Clubes no Mundo porque a embirração em publicar tudo sobre o Sporting quando existem tantos negócios esquisitos e escuros no futebol e até em Portugal?
-Não querem investigar os negócios entre o Benfica e o At. Madrid? 
-Não pretendem um dia debruçar-se sobre as más arbitragens e suas implicações?
-Não querem saber de casos de suspeitas de corrupção no nosso futebol?
Penso ser uma embirração com o Sporting quando existem milhares de Clubes que podem investigar. É que só falta dizer com que mão o nosso presidente limpa o traseiro quando vai ao WC!! 
Se eu fosse do Football leaks tinha vergonha por ser tão tendencioso quando se afirmam defensores da verdade.
Mas querem ideias para investigar? Jogadores que simulam lesões num jogo e depois assinam pelo adversário, contactos para contratar o técnico da equipa que se vai defrontar, jogadores transferidos por milhões sem sequer se valorizarem, contractos milionários e transferências milionárias com o At. Madrid, envolvência da Doyen com Clubes portugueses e com o futebol português, etc, etc.
Tenham tomates e investiguem realmente casos que valham a pena contar. Nós temos curiosidade de saber coisas ilegais e não contractos de jogadores!!
Claro que nenhum Clube deseja ver os contractos que realiza contados na internet mas volto a dizer que mais vale mudarem de alvo pois já se tornou corriqueiro estas noticias. Quem deverá ter medo de transparência será a Doyen pois aos poucos vai se sabendo quem está por trás destes milhões e porque o futebol aceita este dinheiro anónimo. 
Ora bem, até parece que a FIFA congratula-se com estas verdade e sobre isto aproveito para fazer outra pergunta: SE a FIFA aceita e agradece todas estas noticias porque não se pronuncia sobre a vida do Sporting? É que mais uma vez se constata que não existe nada de ilegal!!!!!
O Football Leaks surgiu a falar do Sporting e só do Sporting. Lá foi alargando para a Doyen e para o FC Porto mas sobre outros Clubes ......quase nada! Sejam corajosos e não se acanhem!!
Há dias, numa entrevista do grupo à revista alemã "11 Freund" diziam que a "Estrutura da Doyen é propensa a lavagem de dinheiro" mas isso já nós suspeitamos há muito tempo ainda para mais quando contam que quem está por trás é "a família Arif, uma das mais ricas na Turquia, com ligações a Donald Trump e ao presidente da Turquia". E claro que andam atrás do Football Leaks como os próprios afirmam mas até colocam a policia portuguesa ao barulho(espero que alguém investigue isto):
FL-"Não confiamos nas autoridades portuguesas. Na verdade sabemos que em Portugal as coisas processam-se sempre de forma muito suja quando há muito dinheiro envolvido. A influência da Doyen é muito poderosa e, de resto, sabemos que os procedimentos de investigação foram comprometidos."
FL-"As nossas fontes encontraram provas sobre isso. Soubemos de encontros secretos entre membros da polícia portuguesa e aquela agência(Doyen), em Lisboa. Rogério Bravo, inspector chefe da polícia e grande amigo de Nélio Lucas(diretor executivo da Doyen), pressionou a Procuradoria Geral da República para obter pormenores sobre a investigação. Na verdade, a Doyen está a usar a investigação da polícia para chegar até nós e contrataram uma agência de investigação(Marclay Associates) para fazer o trabalho sujo, com o objectivo de travar isto a qualquer preço".
FL-"Os chefões na Turquia e no Cazaquistão estão mesmo furiosos e querem silenciar-nos o mais rápido possível. Por isso é fácil de perceber que corremos enormes riscos. São os patrões do Grupo Doyen - a família Arif, uma das mais ricas na Turquia, com ligações a Donald Trump e ao presidente da Turquia".
Portanto, têm aqui muita matéria para contar mas com um pouco mais de tomates podiam contar a vida de outros Clubes que devem ter MUITO MAIS PARA CONTAR DO QUE NÓS.
Nós não temos mais nada para contar a não ser .....vitórias!!

Sem comentários :