segunda-feira, 11 de janeiro de 2016

Jornada do LEÃO(17ª): Sporting deu 2 golos de avanço(3-2)


Mas que grande jogo, em Alvalade! E mais um Sporting-Sp. Braga! Desta vez o Sporting conseguiu vencer, sem ajudas como pedimos, a perder ao intervalo por 0-2 e termina a 1ª volta do Campeonato com 4 pontos de avanço sobre o(s) 2º(s) classificado(s). 
E é isso mesmo, a nossa equipa foi a perder para o intervalo por, 0-2 sem saber nem ler
pois tinha sido a melhor equipa e a com mais oportunidades. O futebol é assim e muitos pensariam que se pudesse dar a volta ao marcador.
Jorge Jesus fez alinhar a mesma equipa que alinhou com o V. Setúbal: Rui Patrício, João Pereira, Paulo Oliveira, Naldo, Jefferson; William, Adrien, João Mário, Bruno César; Bryan Ruiz e Slimani e a equipa voltou a marcar muitos golos. Desta vez sofremos 2 golos mas no fim os 3 pontos são nossos.
A partida começou a toda a velocidade e com os forasteiros a puderem marcar mas Wilson Eduardo desperdiçou uma boa oportunidade. Logo de seguida mais um remate bracarense mas Rui patrício estava atento. O Sporting aos poucos foi equilibrando as forças e apareceram as oportunidades de golo , no entanto desperdiçadas. As combinações rápidas do Sporting começavam a dar frutos mas os golos tardaram. João Mário surgiu isolado mas falhou o golo; o mesmo marcou mas o lance foi anulado por fora-de-jogo de Slimani; depois, o argelino também surgiu isolado e tentou colocar um chapéu no guarda-redes russo do Braga sem o conseguir e finalmente Paulo Oliveira , num canto , enviou a bola ao poste de Kritsyuk. Mas quem não marca sofre........
E foi o Braga mais eficaz e numa jogada em que William corta defeituosamente a bola. Wilson Eduardo dentro da área, remata rasteiro , colocado e fora do alcance de Rui Patrício e inaugurou o marcador. O antigo avançado do Sporting não festejou por respeito ao antigo clube. 
Mas o pior ainda estava para acontecer pois se aos 40´ surgiu um golo o que dizer do 2º golo ter surgido passado 4 minutos? Que grande balde de água fria para os 42.248 espectadores!!
Rafa isolou-se pelo meio da nossa passiva defesa e á saída de Rui Patrício colocou-lhe a bola fora do seu alcance. Foi um bom golo!
Mas o Sporting jogava mal? Nada disso, mas não tão bem como em outros jogos. O adversário tinha a lição bem estudada e jogava de igual para igual. O Sporting jogava em pressão alta e o Braga até tinha recuado no terreno. William e Adrien mandavam no miolo e João Mário abria espaços como ninguém e originava muito perigo com oportunidades de golo. 
Para a 2ª parte , William ficou no balneário e na sua vez surgiu Gelson Martins que se foi colocar na ala direita passando João Mário para o centro do terreno. A sua entrada começou logo a dar frutos e Bryan Ruiz aos 47´ falhou na cara do golo perante o desespero dos adeptos. O ambiente estava infernal pois ainda se acreditava em Alvalade. 
Do outro lado Rui Patrício fazia uma grande defesa num lance em que um Leão escorrega e perde a bola em local proibido. Definitivamente ia ser mesmo muito difícil!!
Depois de ter ensaiado com João Pereira várias vezes as incursões do seu lado, Gelson Martins cruzou e lá saiu o penaltie para o Sporting. O lance é muito duvidoso. A bola bate na mão do defesa bracarense mas fica a dúvida se o seu braço está dentro da área ou não. Adrien não falhou e reduziu o marcador. Ainda se acreditou mais a partir deste golo!
O Sporting voltou a pressionar e a mostra grande intensidade de jogo e o Braga viu-se obrigado a recuar no terreno. 
Jorge Jesus , aos 60´ aproveitou para carregar e colocou Montero na vez de Bruno César. Ruiz foi para extremo esquerdo e o colombiano combinou , na frente, com Slimani. E foi o colombiano que pediu penaltie em mais uma mão dentro da área. Este lance que foi claro , o árbitro não marcou!! A equipa continuou a pressionar e os lances de perigo eram uma constante. Porém Slimani de cabeça não conseguiu dar o melhor caminho a um grande cruzamento de Ruiz. 
Até que aos 76´ Jefferson ganha posição para rematar só que o seu remate é intersectado por Montero que de 1ª  e dentro da área bracarense, não perdoou e colocou tudo empatado. Foi o delírio nas bancadas e a esperança na vitória renascia pois ainda faltam 15´ para um milagre.  
A 5´do final Rafa voltou a isolar-se mas Rui Patrício fez uma defesa sensacional evitando o 3º golo do Sp. Braga. 
Mas o melhor estava guardado para o final da partida e claro, para Slimani. Ao grande cruzamento de Bryan Ruiz na esquerda do nosso ataque Slimani elevou-se e fez um grande golo de cabeça como mandam as leis, de cima para baixo. Era o golo da nossa vitória e uma que tem um sabor sensacional. Enorme crença da equipa que mesmo a perder por dois golos de desvantagem sempre acreditou até ao fim que poderia ficar com os 3 pontos. A nossa equipa mostrou ter um grande coração e uma alma tremenda. Lutou e conseguiu o que queria. 
Foi uma vitória justa da melhor equipa que já encontrámos muito bem orientada e com bons executantes. Até poderíamos pensar porque tem 15 pontos de diferença para o Sporting mas isso fica para os bracarenses. 
Como melhor jogador do Sporting vou destacar Slimani. O argelino está feito um jogador de nível mundial. Para além de marcar , marca golos decisivos. Para além dos golos que marca , joga, faz jogar e luta como ninguém. Slimani é mesmo um Leão na ascensão da palavra e faz das defesas e dos guarda-redes as suas presas. 
Tem sabido caçar e com toda a mestria. A marcar desta forma só sai por 30.000.000€.
Grande Sporting, grande vitória!!

Sem comentários :