terça-feira, 1 de dezembro de 2015

"Estrelinhas é no Natal. Isto é muito trabalho!"


Jorge Jesus , no final da partida em que vencemos o Belenenses por, 1-0 com golo de William Carvalho no último suspiro foi lacónico a analisar a nossa vitória afirmando que no Sporting trabalha-se muito e que estrelas é para se colocar na árvore de Natal.
JJ-"Não acredito em estrelinhas! Acredito é em trabalho e como acredito em trabalho isto é fruto dele. Foi em Arouca com um grande passe do Bryan e uma grande jogada do Montero, hoje a presença na área do Slimani que deu origem àquela grande penalidade. Isto não é estrelinha. Estrelinhas é agora no Natal. No Natal é que temos que colocar a estrelinha na árvore de Natal. Isto é qualidade de trabalho , é acreditar e é para isso que nós trabalhamos todos os dias."
Ora também é preciso que os jogadores acreditem que a qualquer momento podemos fazer um golo e que até ao apito final tem que se jogar futebol e continuar a insistir marcar golos.
Jorge Jesus elogiou essa mesma crença dos nossos jogadores:
JJ-"Foi uma vitória que chegou apenas no final mas que o Sporting fez por merecer. Não é muito importante ser no princípio ou no fim. No fim só há mais sofrimento, mas também uma maior alegria. O Sporting foi a equipa que jogou quase sempre no meio-campo defensivo do adversário, não nos criando problemas em termos ofensivos. O Rui Patrício não fez uma defesa. Mas, defensivamente, foi um adversário que criou problemas. Faltou-nos alguma velocidade de execução mais a nível de individual. Na segunda parte, com o cansaço das duas equipas e os jogadores frescos que entraram ganhámos alguma dinâmica, fomos à procura do risco e fomos recompensados através de uma grande penalidade que não deixa dúvidas".
JJ lembrou , mais uma vez, que os campeonatos são mesmo assim e que estes triunfos são muito importantes:
JJ-"Os Campeonatos são mesmo assim. Ao contrário do que era normal, os adeptos acreditam até ao último minuto e isso é importante; não começam a tremer e a criar ansiedade nos jogadores, pelo contrário. Quando entrei neste Clube disse que íamos discutir o título e estamos em primeiro".
Como pudemos, não é de um dia para o outro que se constrói uma equipa e um plantel capaz de ultrapassar os vários obstáculos que se nos cruzam á frente. 
As outras competições trazem cansaço e são precisas mais soluções(outros jogadores) para lutarmos com várias armas. 
Esta conversa leva-nos aos reforços que são precisos pois se virmos JJ colocou Gélson e Matheus como armas para dar a volta ao jogo. Serão os nossos jovens sem experiência que vão dar a volta a jogos com estas características? 
Mas quanto a isso não podemos estar a falar nas conferências de imprensa pois não é isso que o balneário quer ouvir. Os adversários é que querem saber pois assim ficam a saber o que podem utilizar contra nós, seja tacticamente , psicologicamente ou até fisicamente.
Ontem ficou latente algumas das nossas lacunas em termos de outras soluções dentro do plantel. Jovens são da nossa formação mas 1º têm que ser emprestados para ganharem o traquejo suficiente para andarem na alta roda do futebol principal do Sporting. Claro que um jovem que seja muito bom deve ficar como o Gélson Martins mas, Mané , que estagnou no seu processo evolutivo , o melhor é mesmo rodar .....noutro Clube.
Mas enquanto os reforços não chegam temos que cerrar os dentes e recuperar bem , fisicamente, de um jogo para o outro pois está para vir um período muito carregado com jogos para todas as competições.
Seja no 1º minuto ou no último o que conta é a vitória. É duro e sofremos mas como afirma JJ, também nos dá mais alegria!!
Força equipa.

Sem comentários :