segunda-feira, 16 de novembro de 2015

Mário Jorge: "O Leão ataca quando está esfomeado..."


Mário Jorge, antigo jogador dos leões, mostrou-se de acordo com o discurso do nosso presidente em ocasião da Gala dos Rugidos de Leão.
Bruno de Carvalho havia dito que quanto mais temidos formos mais atacados seremos e contra factos não há argumentos. Que não restem dúvidas de que este facto acontece porque pensavam que éramos o elo mais fraco e que agora têm que se haver com a tal pressão que pensavam que nos era prejudicial. O que todos podemos ver é que afinal o nosso rival é que claudica com a alta pressão!
Então apareceu Mário Jorge e falou de uma forma que ninguém estava á espera. Não é de falar muito mas se falar sempre assim , sempre que decidir falar, é excelente.
Muitos não o diziam tão bem:
-"O leão ataca quando está faminto ou é provocado. No seu estado puro, é selvagem e implacável. É este leão que os adeptos transportam ao peito e caracterizam o espírito e grandeza do Sporting. O perigo para a sua espécie é o caçador furtivo, que caça à margem da lei. Mas uma coisa é enfrentar um leão, outra é dominar três milhões."
O que se pode acrescentar quando se tem a comparação perfeita para o momento?
A União faz a força e é nisso mesmo que apostamos esta semana-na União sportinguista! Temos que ser os Leões que trazemos no peito e sermos selvagens a apoiar o nosso Clube.
Os Leões têm que mostrar que estão cada vez mais unidos e que juntos seremos bem mais fortes e inultrapassáveis.
Juntos faremos a força do Sporting!
É este o tipo de comentadores que o nosso Clube precisa para nos defender na comunicação social e não de cromos que por aí andam ainda a defender as direcções passadas e ultrapassadas.
É de Leões como Mário Jorge que precisamos para nos representar!
Obrigado Mário!

Sem comentários :