sexta-feira, 27 de novembro de 2015

L. Europa: Sporting de Lokomotiv(a).(2-4)


O Sporting voltou a brilhar 4 anos depois ao vencer um jogo fora para as competições europeias e finalmente ter vencido da Rússia. Viajámos até á cidade maldita , Moscovo , até ontem e trouxemos uma vitória que nos permite discutir o apuramento na última jornada desta competição, em Alvalade, frente aos turcos do Besiktas,
JJ , privado de Rui Patrício, por castigo, de William, Teo, Mané, Bruno Paulista e Jefferson , por lesão e ainda de Paulo Oliveira , João Pereira e Slimani por opção fez alinhar o seguinte onze: Marcelo, Esgaio, Naldo, Ewerton, Jonathan Silva, Adrien, João Mário, Gelson, Matheus, Bryan e Montero.
E pode-se dizer que esta equipa portou-se muito bem mesmo depois de começar a perer logo aos 5 minutos de jogo. Adrien fez um corte defeituoso e este isolou Maicon que fez o golo do Lokomotiv.
Ora , o Sporting sabendo que precisava de vencer não baixou os braços e acreditou sempre no seu valor. Adrien e João Mário pegaram na batuta , Bryan emprestou toda a sua categoria e experiência e Gelson e Matheus fizeram diabruras nas alas. Na frente Montero voltou aos grandes jogos e provou que se quiser é uma boa solução para a equipa.
A equipa ia jogando o seu habitual , dominando a bola e tendo a sua posse com elevada percentagem e o golo do empate surgiu. 
Com alguma sorte , é verdade, mas Montero foi implacável e não desperdiçou o desvio a cruzamento de Esgaio. O colombiano fez justiça no marcador.
Quando se pensava que o jogo não ia aquecer pois estava um gelo eis que Bryan fez-se notar num grande golo. Tabela na zona quase frontal da baliza russa com Montero a isolar o costa-riquenho que á saída de Guilherme colocou-lhe a bola por cima e fez um golo merecido.
O resultado tinha dado a volta e agora os russos tinham que vir á procura do prejuízo! 
No entanto o futebol do Sporting era vistoso com trocas de bola a meio campo e nas alas com Esgaio a ter mais espaço que Jonathan e o 3º golo leonino chegou numa assistência de Montero que magnificamente isola Gelson que coloca a bola entre as pernas de Guilherme e marca um golo precioso. Gelson parte um tudo ou nada adiantado mas na dúvida dá-se a vantagem ao ataque que foi o que aconteceu.
O intervalo chegou com o Sporting mas  na frente e com uma vantagem de 2 golos.
Na 2ª parte os russos tinham que subir as linhas e procurar o empate que lhes daria a qualificação directa mas isso deu-nos hipótese de jogar em contra-golpe e não desperdiçámos a oportunidade de fazer mais um golo. Matheus isolou-se a passe de Gelson Martins e colou 3 golos de diferença entre as duas equipas.
Entretanto A. Martins entrou por Matheus e quase de imediato , Bryan Ruiz, atirou ao poste da baliza russa. 
A 20 minutos do final Slimani entrou por Montero, o melhor em campo e passados 10 minutos saiu João Mário e entrou Aquilani.
Até final os russos ainda reduziram numa desconcentração de Esgaio que poderia ter-se esforçado mais!
Vitória justa com muita categoria de uma equipa só com 4 dos habituais titulares.
Voltámos a estar perto da qualificação e a decisão está nas nossas mãos.
Bravo Sporting e parabéns aos miúdos!!

Sem comentários :