segunda-feira, 9 de novembro de 2015

Jornada do LEÃO(10ª): Estrela de Campeão(0-1).


O Sporting viajou até Arouca (e não até Aveiro) para defrontar uma equipa que até ontem só tinha perdido com o FC Porto e conseguiu uma vitória na raça, na garra, na ambição mas com todo o mérito! Sabíamos que os rivais tinham vencido e era importante também vencer e conservar o 1º lugar. Lutou e marcou o golo(não muitas vezes é certo)  por intermédio do goleador Slimani mesmo ao cair do pano e já reduzido a 10 unidades.
Resultado da vitória- liderança do campeonato!!
Jorge Jesus tinha avisado que iria ser preciso muita arte e muito empenho para vencermos pois o Arouca iria fazer-nos a vida negra. Até conseguiu fazer mais do que se pensava que conseguisse!!
O nosso mister apresentou a sua melhor equipa: Rui Patrício, João Pereira, Paulo Oliveira, Naldo, Jefferson, William Carvalho, Adrien, João Mário, B. Ruiz, Teo e Slimani.
Desde cedo assumimos o controle da bola mas com o Arouca a pressionar no seu meio campo e a dificultar muito a nossa acção. Tentávamos jogar bem e depressa mas o estado do relvado e os espaços curtos eram-nos prejudiciais.
O adversário fazia o seu jogo, como era esperado, e partia em rápidos contra-golpes para nos tentar surpreender mas foram sempre bem resolvidos pela nossa equipa. 
Os verdadeiros lances de perigo só surgiram perto do intervalo e logo com 3 grandes oportunidades de golo para o Sporting(Atenção Prof. Neca o Sporting teve oportunidades de golo). Teo a um bom cruzamento de J. Pereira não acertou bem na bola e rematou fraco , Paulo Oliveira cabeceou para a defesa da noite de Bracalli e Adrien na marcação de um livre indirecto cabeceou um pouco ao lado da baliza nortenha. 
Mas podíamos dizer que o nosso  jogo não saía tão bem como desejávamos: alguns passes mais directos e quase sempre sem a melhor direcção, não tínhamos profundidade no ataque e muitos passes saíam mal direccionados. Claro que o Arouca fazia o seu trabalho mas temos que chegar mais vezes á linha final e cruzar para a área e também rematarmos mais vezes.
Chegou o intervalo com um nulo no marcador mas a antever uma 2ª parte mais pressionante por parte do Sporting.
E foi o que aconteceu. Viemos do intervalo mais rápidos e mais esclarecidos e João Mário rematou rente á trave de Bracalli. No entanto tinha saído Jefferson(com queixas musculares) e entrado Esgaio. 
O Sporting tentava fazer o seu jogo mas o Arouva vinha firme na sua convicção. Ao passar do tempo passou a existir mais espaços e o Arouca esticou-se mais no terreno. 
Jorge Jesus respondeu bem com a entrada de Montero por Teo para refrescar e dar outra acutilância atacante e pode-se dizer que esta substituição está na resolução do resultado final!
O Sporting continuou a tentar furar a muralha arouquense mas o Arouca , com mais espaço, começou a chegar-se mais á nossa baliza. Era normal pois o Sporting tinha que dar mais espaço também para o ter! 
Com isso não ganhou muito mas Montero poderia ter marcado se não tem tentado parar a bola e remata de 1ª para a baliza. Era só empurrar! Não marcámos e poderíamos ter sofrido pois Naldo faz penalidade involuntária num cruzamento do Arouca. O nosso defesa escorrega mas ao cair impede o jogador da casa de chegar á bola e estava de frente para Rui Patrício. 
Quase no fim , Gelson substitui Adrien e João Mário passou para o meio e o jovem Leão colou-se á linha. No entanto a diferença no jogo não se notou. 
O que se notou foi o golpe de teatro que viria a marcar esta partida. Falta sobre João Mário e Naldo tenta marcar rápido. Acontece que Lito Vidigal(treinador do Arouca) entra em campo e tira a bola ao nosso defesa!! Isto é surreal e só mesmo para o nosso futebol!! Consequência: Acto irreflectido de Naldo que empurra Lito Vidigal e é expulso e deixa o Sporting a jogar só com 10 homens. Pode-se dizer que neste caso o crime compensa porque nós é ficámos provados de 1 jogador e o Arouca só ficou privado do seu treinador.
O Arouca aproveitou bem a ocasião para se tentar acercar da nossa baliza mas já nos 90 minutos Bryan Ruiz lança Montero, este domina a bola já dentro da área, remata mais uma vez mal mas a bola sobra para Slimani que de pé esquerdo encosta para o fundo das redes. Era o golo do Sporting e pelo seu goleador Slimani e 3 pontos conquistado na raça , no querer, no acreditar de uma equipa que precisa também de sofrer para vencer estes jogos complicados. 
É verdade que não jogámos muito bem mas nem sempre o vai ser possível fazer pois ao jogarmos naquele campo a tarefa era mais difícil. Não serve de desculpa mas serve de alerta para o que aí vem pois todos vão querer vencer ao líder da Liga portuguesa!
 O destaque da equipa vai naturalmente para Slimani que marca mais um golo e da´mais 3 pontos ao Sporting! Realmente temos aqui um diamante puro! O nosso ponta-de-lança não para de correr e fazer jogar. É um poço de força e é mortal dentro da área. 
É caso para dizer que tivemos estrelinha de ..........campeão!!

Sem comentários :