quarta-feira, 2 de setembro de 2015

Análise ao plantel 2015/2016.


Aqui está , finalmente , o plantel com que o Sporting irá contar para esta época de 2015/2016. 
São 24 jogadores mas 7 atletas estreiam-se no nosso Clube , no futebol nacional e no nosso país. São jogadores que foram escolhidos pela estrutura do nosso Clube e que vão tentar trazer o caneco para Alvalade. 
Temos uma nova equipa técnica , experiente, com espírito vencedor e exigente. Trazem uma grande esperança aos adeptos leoninos e uma nova forma de trabalhar que agrada a todos. Os jogadores novos(estreantes) também quiseram vir para o nosso Clube pois Jorge Jesus é , de facto, um grande técnico e aqui é bem tratado e desejado. Os títulos conquistados nos seus 6 anos de rival dizem tudo mas só não vê quem não quer.
O Sporting contratou jogadores mais experientes e desta vez não quisemos só jovens. Jovens jogadores já nós temos muitos e agora era preciso jogadores maduros para termos sabedoria em campo e que nos valessem em muitos jogos. 
  • Para a baliza quase nada mudou. A única mudança foi a entrada do 3º guarda-redes esloveno, Jug, vindo do Bordéus a custo zero. O que faltará por dizer neste sector? Nada! Falou-se na saída de Marcelo mas ele está muito bem no Sporting e neste momento , ele e Rui Patrício, ajudam Jug a ultrapassar uma nova aventura na sua vida. O Sporting está muito bem servido de Guarda-redes.
  • Na defesa , foram contratados , João Pereira para a lateral direita, Naldo para o eixo defensivo e exerceu-se uma opção de compra por Ewerton. Éramos para contratar outro defesa central mas ainda bem que , por problemas disciplinares , acabou por não ficar e com Ewerton quase bom não há necessidade de se contratar mais atletas para este sector.  João Pereira ocupou o lugar de Cédric mas tem apresentado alguns problemas, principalmente nos dois jogos da Champions e no jogo frente ao Paços Ferreira. Parece , neste momento , o elo mais fraco da nossa defesa. Talvez , Esgaio , e depois da sua exibição em Coimbra, ainda lhe tire o lugar! Cuidado, João! No centro , Naldo tem tido problemas com a linha de fora-de-jogo mas com calma ainda vai ultrapassar essas limitações ou então Ewerton ocupará esse lugar ao lado de Paulo Oliveira. Pela sua vez espera Tobias Figueiredo que está há espera que alguém falhe para ter a sua hipótese. Na esquerda , Jefferson, está melhor do que nunca e tem em Jonathan a sua sombra. Diga-se que é uma boa sombra. O sector está mais equilibrado mas têm que deixar de nos marcar golos com os braços e inventar penalidades. Este é um dos sectores que JJ dá mais atenção pois sabe que um campeão se constrói de trás para a frente.
  • No sector intermediário, JJ , quis ter um sector reforçado o e com muita qualidade. A prova disso é a entrada de Aquilani para médio defensivo. Com William Carvalho lesionado, pensou-se também no futuro . Daí a entrada de Bruno Paulista que no entanto começou a jogar pela equipa B. Agora é esperar que amadureça, se ambiente e aprenda com o mister. Adrien passou a ser o capitão de equipa pois o novo técnico prefere ter o capitão mais perto do centro de decisões. Além disso foi ele o escolhido para ocupar o lugar de William Carvalho na posição 6 , subindo João Mário para titular. O novo sistema de jogo só conta com médios centro e aqui existem 4 grandes galos para dois poleiros. Quando William estiver ok, quem destes 4 jogadores jogarão a titular: William, Aquilani, Adrien ou João Mário? E até nem estou a contar com André Martins que é bom jogador mas é o 5º médio do plantel. Aqui também estamos reforçados e bem mais fortes. Para jogar com 2 médios centro é preciso que tenham muita qualidade mas quanto a isso......estamos descansados.
  • Na frente de ataque há duas novidades: Bryan Ruiz que tanto joga a extremo esquerdo como a avançado e também o avançado colombiano, Teo Gutiérrez. Penso que o costa-riquenho irá ser um dos jogadores mais importantes do Sporting pois joga em várias posições e apesar de não ter uma grande velocidade prima pela sua experiência. Por sua vez, o colombiano, oferece-nos outra mobilidade e capacidade muito melhor que Montero que é um jogador que não vai muito ao choque. Na ponta mais avançada da equipa temos o argelino Slimani que é a nossa referência. Teo apoia-o mas mais recuado. Como opções temos Tanaka que acabou por ficar e também Fredy Montero mas que seria preferível jogadores com outras qualidades. A ladear o nosso ataque contamos com 4 extremos: Carrillo, Mané , Bryan Ruiz e Gelson Martins. O peruano tem sido a novela do Verão pois termina contracto em Junho de 2016 e ainda não renovou com o Sporting. Todos desejam a sua permanência mas está difícil. É unânime que Carrillo é muito influente na equipa e depois do mercado ter fechado...é imprescindível. Depois temos Ruiz que tem jogado do lado esquerdo do nosso ataque mas Mané espreitou no último jogo e ....cumpriu. A surpresa é Gelson Martins que não engana ninguém. Tem aproveitado as oportunidades para se mostrar e com mais tempo em campo todos vão ver o que ele já sabe fazer. No entanto é preciso dar-lhe tempo.
O Sporting em 2015/2016, conta com um plantel mais equilibrado e praticamente com dois jogadores por cada posição o que faz com que os jogadores lutem pela titularidade mas de uma forma saudável.
Este é um factor obrigatório em todas as equipas que lutam por grandes objectivos. 
A aquisição da equipa técnica fez aumentar as esperanças dos adeptos e conseguiu formar uma equipa com mais capacidade. 
Os reforços vieram tornar a equipa com mais soluções mas não as ideais mas também quem tem uma equipa ideal? O que realmente interessa foi a capacidade que o Clube demonstrou em reforçar-se para poder lutar pelo titulo e o resto logo se vê. Financeiramente o nosso Clube está bem melhor e dentro do que esta direcção prometeu. 
A massa associativa do nosso Clube acredita cada vez mais e isso revela-se nas excelentes molduras humanas registadas em Alvalade , no número de sócios e nas Gamebox´s vendidas. Isto significa que a politica do nosso Clube é a mais correcta e super concentrada no nosso principal objectivo. 
Bruno de Carvalho é o cabeça de cartaz do nosso Clube que até á bem pouco tempo não acreditava em nada. Pois bem , estamos diferentes e têm que contar connosco para tudo o que for troféu para vencer.
Unidos e solidários seremos muito mais fortes e é também este espírito que se está a incutir na equipa. O Sporting assusta muita gente e as lutas que trava mostra a nossa vitalidade. No entanto as lutas têm um preço quando não se vencem. No entanto acredito que as venceremos mas para já estamos a perder.
Esta época estamos mais fortes e lutaremos com mais capacidade pela vitória em todos os jogos e por vencer toas as competições onde estamos a competir.
Força Sporting.

Sem comentários :