segunda-feira, 31 de agosto de 2015

A. Inácio: "Jesus no Benfica não era expulso".


Augusto Inácio, responsável pelas relações internacionais do Sporting acusou os srºs árbitros, de dualidade de critérios em relação ao velho rival: "No Benfica Jesus não era expulso. Vai ter de começar a habituar-se a isto, porque, agora, está no Sporting."
Com toda a razão , Inácio, ex-director do departamento de futebol do nosso Clube criticou a actuação de Bruno Esteves e de outros árbitros que nos têm prejudicado neste começo de época. Para tal até recordou um exemplo: "Quando era treinador do Moreirense fui à Luz e, como sempre, assisti ao jogo de pé. Mas o quarto árbitro esteve sempre a implicar comigo porque eu saía da minha zona técnica, enquanto Jesus ia até ao meio-campo. Eu chamei-o à atenção e sabe o que ele fez? Nada!".
Outro exemplo, é a dualidade de critério que teve este srº árbitro no jogo frente á Académica ao apontar uma grande penalidade inexistente pois vê-se á 1ª vista que não há falta nenhuma. O que fez o srº ? Assinalou grande penalidade. Incrível!!
Um lance sem dúvidas e dentro da área dos estudantes foi o derrube de Slimani mas que aqui já não teve dúvidas-nada assinalou. Impressionante!
Qual a diferença entre os dois lances? É que o lance de Slimani não deixa dúvidas.
Nós estamos a ver é que, realmente, e como afirma JJ : SAÍMOS NA RIFA!!
Escolham outros !

5 comentários :

francisco disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Bruno Ope disse...

http://3grandesnaliga.blogspot.com/2015/08/3a-jornada-academica-sporting.html

Comentários e sugestões serão bem vindos

Bruno Ope disse...

Hoje vi um post no Facebook que dizia mais ou menos o seguinte: A. Inácio critica JJ por este ainda pensar que está no Benfica. A sério... houve alguem que desta noticia fez essa historia!

Anónimo disse...

Sem dúvida. O próprio Inacio não tinha sido expulso do Sporting se o Jesus estivesse no Benfica

Rui Cerdeira Fernandes disse...

O Inácio não foi expulso. Mostrou que é um grande homem ao aceitar novas funções mas continuando no seu Sporting. Se ele fosse benfiquista "teria exigido viajar em 1ª classe tal e qual como o presidente do SCP". Nas atitudes se vêm a grandeza das pessoas.