sábado, 25 de julho de 2015

Afinal ficamos em quê, André ??


É questão para perguntar-mos a André Carrillo ........Afinal ficamos em quê???
A quando da sua chegada ao Sporting vindo de férias , o peruano, publicou nas redes sociais: "Amo-te Sporting!" e agora o seu empresário vem com umas declarações enigmáticas que nos deixaram a todos tristes mas sedentos de mais qualquer coisa.
Elio Casareto, representante do jogador do Sporting e em declarações ao site peru21 e ao programa de Rádio peruana, Exitosa Deportes, afirmou que há muitos interessados no atleta: "Falei há pouco com ele e está já integrado com o plantel do Sporting, que está a realizar um estágio na África do Sul. Há interesse de várias equipas de Inglaterra, Espanha e Alemanha mas é difícil, porque o clube está a dificultar a saída". O representante declarou ainda que "será muito difícil negociar o jogador neste defeso." deixando um mal estar em Alvalade.
O jogador termina o seu contracto com o Sporting em Junho de 2016 e ainda não há acordo para a renovação de contracto podendo, assim, assinar a custo zero para onde quiser a partir de Janeiro de 2016.
O peruano chegou ao Sporting em 2011 por cerca de 700.000€ por metade do passe e como uma promessa. Aos poucos foi-se tornando um jogador essencial ao ponto de ter sido um dos mais utilizados por Marco Silva a época que passou. 
Já Leonardo Jardim também o tinha utilizado bastante mas a sua época mais regular foi mesmo a de 2014/2015.
O problema reside no detentor dos outros 50% do passe: Leiston Holdings, empresa de Pini Zahavi. No entanto o seu empresário é Elio Casareto.
Parece continuar a existir um conflito de interesses em que o Sporting deseja renovar com o jogador oferecendo X e o seu empresário quer á força toda vender o jogador e só aceita renovar quando o nosso Clube oferecer Y.
Se isto não for possível então a solução será transferir o jogador. Ao menos para ganharmos metade da sua transferência!! Aqui o nosso Clube está na posição de , por exemplo, do Fulham de onde veio Bryan Ruiz mais barato pois também , em Janeiro de 2016, poderia assinar por quem quisesse.
O que se pretende saber do jogador e também do seu empresário é que demonstrem o que querem mesmo para se optar por determinada solução. Mas decidam!! 
Provavelmente, Sporting e o seu representante, só reunirão com Elio Casareto depois de se chegar da África do Sul mas as suas palavras deixaram algum desconforto.
Nem que , para o caso de sair, SÓ o transferíssemos, depois da Supertaça cândido Oliveira!!

Sem comentários :