sábado, 20 de junho de 2015

Alterações aprovadas no Conselho de Presidentes


A Assembleia Geral da Liga(Conselho de Presidentes) decidiu, esta sexta-feira passada , algumas alterações ás nossas competições. Eram necessárias algumas alterações que agora, de facto, tiveram feedback por parte dos presidentes. 
Amorsporting conta-lhes algumas: 
  1. - Jogadores emprestados proibidos de defrontar clubes de origem. Depois de tanta polémica lá se fez uma lei. Nada mau!! Demorou uma eternidade para fazerem uma lei sobre esta vergonha que se passava nos nossos estádios.
  2. - Cada clube só pode emprestar 3 jogadores a outro emblema do mesmo escalão. Assim teria que ser pois se negam aos emprestados jogarem contra o Clube mãe 
  3. - Obrigatoriedade em actuar em relvados naturais já na próxima temporada. O Boavista e alguns Clubes vir-se-ão em trabalhos para mudarem os seus relvados sintéticos mas , pelo menos, na I Liga devido ás lesões é muito importante que só existam relvados naturais.
  4. - Redução de 24 para 22 equipas na 2.ª Liga (descem 5 em 2015/16). Vai ser um campeonato duro pois descem os últimos 5 Clubes mas 24 equipas é com certeza um nº muito elevado.
  5. - Aumento de inscrições por equipa (de 27 para 30). Esta é a diferença dos tais 3 jogadores emprestados que uma equipa poderá ter de outro do mesmo escalão.
  6. - Clubes com equipas B passam a pagar 100 mil euros (o dobro) para inscrevê-las. Medida que foi aprovada mas que sinceramente não percebo pois todas as equipas deveriam ser iguais.
  7. - Redução na Taça da Liga, que passa de 83 para 48 jogosO novo formato  resulta das queixas  dos clubes que exigia muito deles em termos financeiros. Para além de uma sobrecarga de jogos nos clubes da II Liga, ainda iniciavam mais cedo a disputa da competição.
Algumas medidas eram importantes e convém serem mudadas ou legisladas antes de começarem as competições. 
A AG decorreu (Conselho de Presidentes), em Santa Maria da Feira e ainda houve uma proposta do nosso Clube para se voltar ao sorteio de árbitros que naturalmente têm votos, contra, de Benfica e FC Porto. No entanto esta votação ficou marcado para o dia 29 deste mês. Até lá vão se cozinhando alguns presidentes para que esta proposta não vá em frente. É que para a corrupção não dá jeito nenhum não saber-se que árbitro vai calhar para aquele jogo. Daí alguns Clubes não estarem muito interessados nesta proposta.
Para os árbitros , também não dará muito jeito pois gostariam de ser escolhidos para tal jogo e o sorteio mandará irem para o lado oposto. 
Pois........não dá muito jeito!!!!

Sem comentários :