segunda-feira, 11 de maio de 2015

Somague processa Sporting ????????????


É sempre assim em qualquer disputa seja do que for......a razão é sempre minha e não tua!!
Ora bem......então temos mais um caso a envolver o nosso Sporting e a empresa construtora que suposta,mente ia construir o Pavilhão João Rocha.
Já sabíamos que esta empresa tinha ganho o concurso mas que por razões apontadas pelo nosso Clube , em comunicado oficial(LINK), informou que afinal quem iria construir o nosso Pavilhão seria o 2º classificado.
Em futebolês : saiu a Somague e entrou a Ferreira Build Power!!
Acontece que agora, e já adivinhando, a Somague vem dizer que vai accionar judicialmente o Sporting. 
Pois bem......não é nada de que o nosso Clube não esteja já habituado pois quando nos querem supostamente enganar , há que por cobro á coisa.
Em comunicado, a Somague, afirma agir em conformidade e na base desta decisão está o facto do SCP considerar abrangido no preço da proposta, trabalhos que nela não constam.....mas leia-se o tal comunicado: 

"Em 8 de Maio passado, tomou a Somague Engenharia, S.A. conhecimento do comunicado emitido pelo Sporting Clube, S.A. no seu site oficial.
Pese embora não seja política da Somague a utilização dos meios de comunicação social para esgrimir argumentos e alimentar polémicas, não pode esta empresa deixar de referir que não correspondem à verdade as afirmações feitas pelo Sporting, que deliberadamente deturpa e manipula os factos.
A Somague Engenharia S.A., empresa de construção com reputada e larga tradição no mercado nacional e internacional, sempre honrou os seus compromissos e sempre os pautou pelo cumprimento da lei. Nesse pressuposto, concorreu ao concurso para a concepção e construção do Pavilhão João Rocha, tendo sido a sua proposta considerada pela Sporting Clube Portugal, ganhadora.
A pedido do Sporting, através do seu interlocutor Ficope, Fiscalização, Coordenação, Projectos de Engenharia, Lda., a Somague, de boa-fé, iniciou a prestação dos serviços objecto do contrato de concepção, construção do Pavilhão João Rocha, o qual deveria ter sido outorgado até final de Janeiro de 2015, mas cuja minuta o Sporting só disponibilizou em finais de Fevereiro de 2015 e após inúmeras insistência da Somague.
A prestação de serviços iniciada respeitou à elaboração dos projectos de arquitectura, escavação, contenção e estrutura de betão armado.
Aquando da elaboração dos referidos projectos, o Sporting pretendeu neles considerar alterações várias, que alteravam a proposta da Somague.
A Somague sempre manteve os termos da sua proposta. Ao contrário, pretendeu o Sporting considerar abrangido no preço da proposta, trabalhos nela não constantes e surpreender a Somague com a decisão do termo das negociações após todo o trabalho efectuado.
Em sede própria a Somague peticionará os seus direitos e requererá a devida indemnização por todos os prejuízos causados pelo incumprimento das obrigações legais e contratuais assumidas pelo Sporting."

O que posso dizer é que já existem duas verdades na história. Vejamos:
 "1– A Direção do SCP tomou conhecimento através da FICOPE, Lda empresa coordenadora geral do processo de concepção e construção do Pavilhão João Rocha e demais trabalhos do Plano de Pormenor Alvalade XXI, de que a SOMAGUE depois de a 8 de Janeiro de 2015 ter fechado o valor da obra em 7.200.000,00€, e após a 27 de Março de 2015 ter sido feito o lançamento oficial da primeira pedra da construção do Pavilhão, veio de forma surpreendente informar, a 2 de Abril de 2015, por email posterior e reunião, que pretendia acrescentar valores adicionais ao valor fechado, alterar as condições contratuais estabelecidas e informar que “não estavam reunidas as condições para a assinatura do contrato nos termos inicialmente negociados e subjacentes ao concurso efetuado”.
Então mas quem é que queria fazer as alterações ? O Sporting ou a Somague? 
É que cada um diz o contrário!!!
Depois reparem: no comunicado do SCP há contactos mantidos entre a Somague e o Sporting através de uma reunião com o presidente da Somague que ......no dia seguinte .....dá o dito por não dito? 
O quê ??? Mas vejam quem participou na reunião: "
Perante estes factos totalmente inaceitáveis e violadores dos princípios do programa-base do concurso, foi acordado entre a FICOPE e a Direção do Sporting Clube de Portugal a promoção de uma reunião no Estádio José Alvalade, no dia 6 de Abril de 2015 que contou com as presenças do Presidente do Sporting, Bruno de Carvalho, do Vice-Presidente, Comandante Vicente Moura, do Presidente da SOMAGUE, Engenheiro Rui Ferreira Vieira de Sá, do Diretor Comercial da SOMAGUE, Carlos Carvalho e da equipa responsável da FICOPE.
Bem.......se este senhor esteve na reunião.....pelo menos existe uma testemunha!!
E por aqui fico-me ..quase com a certeza de que o meu Clube não inventa comunicados e muito menos é mentiroso!!!!!
Fica só a faltar uma uma certeza........é de que os senhores pensavam que ao se metem com o Sporting ainda conseguiam ver mais algum dinheirinho por fora. Pois enganam-se pois se querem fazer as coisas dessa forma sabem muito bem por onde devem caminhar.
Connosco é que não!!

Sem comentários :