sexta-feira, 13 de fevereiro de 2015

Tributo a.......SIR , Mário Moniz Pereira, o Srº Atletismo.

É incontornável um dos grandes nomes do nosso Clube: O Professor, Mário Alberto Freire Moniz Pereira, também denominado por Srº Atletismo fez o seu 93º Aniversário no dia 11 de Fevereiro de 2015.
Amorsporting não poderia deixar de apresentar todo o carinho e o Máximo de Respeito por um " SIR " que merece um abraço e uma grande vénia por parte de todos os Sportinguistas. Palavras para o elogiar são muito fáceis de encontrar mas para lhe agradecer não pode ser com qualquer palavra. 
Mário Moniz Pereira é o Srº Atletismo do Sporting mas também ....de Portugal.
O Professor nasceu a 11 de Fevereiro de 1921 , em Lisboa, e considera ,na altura o seu vizinho , Dr. Salazar Carreira, o responsável pelo seu interesse pelo nosso Sporting e também pelo Desporto em geral.
Desde cedo praticou de tudo um pouco: Andebol, Basquetebol, Futebol, Hóquei em Patins, Ténis de Mesa, Voleibol e Atletismo.
Licenciou-se em Educação Física pelo Instituto Nacional de Educação Física de Lisboa, onde foi professor durante 27 anos.
Foi em 1939 que entrou para o Sporting e como praticante de Ténis de mesa mas ,curiosamente, seria como jogador de Voleibol que se sagraria Campeão Nacional nas épocas de 1953/54 e 1955/56.
Depois foi preparador físico da equipa de futebol do Sporting treinada por Fernando Vaz em 1970 e 1971, sagrando-se Campeão Nacional no primeiro ano e vencendo a Taça de Portugal no segundo.
No entanto seria no Atletismo que se destacaria mais. Desde cedo coleccionou títulos como atleta e como treinador : Campeão universitário de Portugal de triplo salto e recordista nacional e tornou-se treinador da equipa do Sporting a partir de 1945, conquistando: 
  • 30 Campeonatos Nacionais de Pista Masculinos (entre 1946 e 1988), 
  • 24 Campeonatos Nacionais de Pista Femininos (entre 1946 e 1987), 
  • 33 Campeonatos Nacionais de Corta Mato - Masculinos (entre 1948 e 1991) 
  • e 12 Taças dos Clubes Campeões Europeus de Corta Mato (entre 1977 e 1992).
SIR Mário Moniz Pereira foi um  "fazedor de campeões". Estes Campeões : Álvaro Dias , Domingos Castro, Manuel de Oliveira, Armando Aldegalega, José Carvalho, Hélder de Jesus, Aniceto Simões, Carlos Lopes, Fernando Mamede e Dionísio Castro levaram o nome de Portugal e todos a ouvirem o nosso hino vezes sem conta pelo mundo a fora.

O Professor esteve presente em : 
  • 12 JOGOS OLÍMPICOS, 
  • 5 Campeonatos do Mundo,
  • 13 Campeonatos da Europa,
  • 15 Taças da Europa,
  • 22 Campeonatos do Mundo de Corta Mato e
  • 18 Taças dos Clubes Campeões Europeus de Corta Mato. 
Nestas competições todas, participou como técnico , jornalista e seleccionador de Atletismo mas ainda foi Director técnico da Federação Portuguesa de Atletismo, Seleccionador Nacional de Atletismo e de Voleibol, Presidente da Comissão Central de Árbitros de Voleibol e Árbitro Internacional no Campeonato do Mundo de Paris, em 1956.

É sócio honorário da Associação Internacional de Treinadores de Atletismo.
Depois vêm as distinções que bem merece : 
  • Medalha de Mérito Desportivo em 1976 e 1984, 
  • Condecorado com a Comenda da Ordem do Infante D. Henrique (1980),
  • Condecorado com a Comenda da Ordem de Instrução Pública (1984), 
  • Galardoado com a Medalha de Mérito em Ouro (1985), 
  • Nomeado Conselheiro da Universidade Técnica de Lisboa (1985), 
  • Galardoado com a Ordem Olímpica (1988) e 
  • Condecorado com o grau de Grande Oficial da Ordem do Infante D. Henrique (1991).

No Sporting ,  fez parte da Comissão de Honra do Centenário do Sporting Clube de Portugal, do qual era na altura o sócio nº 2 mas como dirigente foi:
  • Vice Presidente para as Actividades Desportivas Amadoras nas Direcções de João Rocha e
  • Vice-presidente com o pelouro das modalidades, entre 2 de Junho de 1995 e 26 de Março de 2011, atravessando assim todo o período que ficou conhecido como o Projecto Roquete.

Em 2000 , em A.G. do Sporting foi-lhe atribuído o mais alto galardão do Clube: o Leão de Ouro com Palma.
Também lhe foi atribuído o Prémio Stromp na categoria Técnico Amador de 1964, mas apenas o facto de ter feito parte do Grupo Stromp durante muitos anos, o impediu de coleccionar mais "Oscares" do Sporting.
Em 2012 , também em A.G. do Sporting ficou decidido por, UNANIMIDADE e ACLAMAÇÃO, atribuir o nome de Mário Moniz Pereira ao Centro de Alto Rendimento do Atletismo que estava projectado para funcionar no Complexo Desportivo de Odivelas, uma obra que no entanto não se veio a concretizar.
Como se não bastasse o seu impressionante seu curriculum desportivo ainda se dedicou a ser compositor e poeta. É autor de conhecidos fados cantados por grandes fadistas. Eis o nome de alguns deles: Valeu a Pena, Fado Varina, Rosa da Madragoa, Rosa da Noite, Não me Conformo, Leio em teus Olhos, etc, etc.
Como não foi possível erigir o tal Complexo Desportivo de Odivelas , Amorsporting  , gostaria de ver o seu nome atribuído a uma obra emblemática do nosso Clube . Se no entanto , não for possível não será por isso que não deixará de ser AMADO e ACLAMADO por toda a família sportinguista. 
Pela parte que toca a Amorsporting , só tenho que lhe agradecer por eu ser SPORTINGUISTA. 
Obrigado, Professor e que ainda nos acompanhe por muitos mais anos. Parabéns!!
Amorsporting encontrou esta reportagem sobre o Professor que valerá bem a pena de recordar .....e aprender.

Não consigo encontrar palavras para lhe agradecer por tudo .........."Valeu , mesmo tudo a Pena" , Professor!!
Obrigado!

Sem comentários :