domingo, 4 de janeiro de 2015

Jornada do LEÃO(15ª): Sporting vence na linha...do Estoril(3-0)


O Sporting venceu o Estoril , por, 3-0 , na 15ª jornada da Liga Portugal. Foi um jogo marcado por uma bela exibição da nossa equipa e também por um ponto final na novela deste Natal.
Antes da partida , Bruno , afirmava que Marco é  e seria o treinador do Sporting e parece que os espíritos embalaram a nossa equipa para um belo jogo.
Marco Silva não inventou e fez alinhar a sua melhor equipa: Rui Patrício, Cédric, Maurício, Paulo Oliveira, Jefferson, William C., Adrien , Mané, Nani, Carrillo e Slimani.
Pode-se dizer que o SCP foi extremamente eficaz e parecia uma equipa com muito traquejo e experiência o que não revelava em alguns jogos.
O 4x3x3 continuou a ser o sistema eleito pelo Sporting e muito bem. As novidades foram o regresso de Nani e Jefferson á titularidade e a inclusão de Mané no meio campo e na ajuda a Slimani.
Foi um Sporting mais seguro, com as linhas mais próximas e sobretudo pragmático.
Os Leões foram seguros e eficazes no ataque.
O Sporting lutava muito pela posse de bola mas o meio campo do Estoril encaixou perfeitamente no nosso não dando muito espaço mas conseguimos libertar a bola para as alas onde Carrillo voltou a partir a loiça toda.
Aliás, Carrillo, Nani e Mané deambulavam e trocavam os olhos á defesa canarinha mas este ultimo esteve mais apagado. Assim aconteceu , pelo meio, o remate do peruano que quase dava o 1º golo da partida.
Não deu golo antes mas deu aos, 20m, num remate espectacular de Adrien. Jefferson cruzou na esquerda , Carrillo amorteceu e um jogador do Estoril deixou fugir a bola e lá estava ....Adrien a facturar.
Até ao intervalo uma grande penalidade ficou por marcar pois Slimani cabeceou e a bola bateu no braço do adversário. Se tivesse sido para o Benfica teria sido marcado!!
O intervalo chegou com um golo para o Sporting.
Na 2ª parte o Estoril apareceu melhor mas foi muito pouco tempo pois entrou João Mário por Mané(55m) e Slimani , aos 57 minutos , arrumou o jogo com o 2º golo do SCP.
Novo cruzamento de Jefferson e Slimani a empurrar para o fundo da baliza. E vão 7 golos do magrebino que vai para a CAN. Slimani seria substituído por Montero a 15 minutos do fim para receber o aplauso e a boa sorte para a competição africana.
O Sporting ainda poderia ter marcado mais cedo mas foi Adrien a marcar o 3º golo, de grande penalidade, a castigar derrube sobre Carrillo.
O Estoril criou perigo eminente em duas únicas ocasiões.
No fim ainda entrou Rosell para os aplausos mais que merecidos de Adrien.
A defesa do Sporting , hoje, esteve intransponível mas a equipa no seu todo esteve impecável. A meu ver os passes curtos no meio campo dão espaço aos adversários nos roubarem a bola.
Neste aspecto Adrien é sublime pois sabe colocar a bola onde quer e quando deve ser endossada.
Tivéssemos mais posse de bola mas foi por pouco , estivemos seguríssimos e muito eficazes.
Hoje , sem deslumbrar fizemos das melhores exibições da época. Não interessa ter muitas ocasiões de golo se só marcamos......... uma.
Destaques , pela negativa, para Nani que viu dois cartões amarelos, não jogando para a Taça e podendo jogar em Braga e pela positiva Adrien e Carrillo que para Amorsporting foram os melhores dos Leões em campo.
Individualmente: Rui Patrício respondeu bem aos vários cruzamentos do adversário, Cédric não foi tão ofensivo mas fechou bem o seu lado, Mauricio e Paulo Oliveira fizeram um grande jogo, Jefferson regressou em grande participando em dois golos, William sem deslumbrar foi importante pois deu segurança ao nosso meio campo, Mané foi o mais apagado, Carrillo desequilibra dum lado qualquer  e conquistou uma penalidade e Slimani foi o lutador do costume e marcou um golo.
O melhor para Amorsporting foi , sem duvidas, Adrien. De volta á boa forma , fez dois golos e mostrou quem é o patrão da equipa. Lutou pela posse de bola e soube-a ter e passá-la a preceito. Grande jogador.
O ultimo destaque vai para as pazes de Bruno de Carvalho com Marco Silva que se cumprimentaram no final e colocaram fim nesta novela.
Força Sporting.

Sem comentários :