terça-feira, 4 de novembro de 2014

Mais que uma vingança, é preciso uma vitória.


Está a chegar a hora das definições neste Grupo G, da Liga dos Campeões e este jogo não se trata de uma vingança , trata-se simplesmente da luta por uma....vitória.
Espera-nos uma batalha enorme pois teremos que fazer um grande jogo e perfeito pois seremos mais uma vez.....contra 16. Nesta partida jogamos o futuro nesta competição e o que fizemos em casa  do nosso adversário temos que fazer , em Alvalade.
Só, 1 resultado nos pode aniquilar as esperanças de passar á próxima fase da Liga dos Campeões- a derrota. Os alemães somariam 8 pontos, nós continuaríamos com 1 ponto e se, o Chelsea vencer o Maribor ficam com 10 pontos e os eslovenos com 2. 
Passaríamos a lutar só pela Liga Europa e a seguir teríamos um jogo para quase decidir essa qualificação.
Por sua vez , o empate não nos eliminaria mas tornaria tudo bem mais difícil. Nós somaríamos 2 pontos e os alemães ficariam com 6 pontos o que faria que também tivéssemos que vencer em Londres e esperar que esperar mais conjugação de resultados. 
Mas, obviamente , não são os resultados que mais desejamos! Em jogo do, praticamente, tudo ou nada , nós queremos vencer esta equipa que está perfeitamente ao nosso alcance. Isto sem árbitros incluídos.
O Schalke com Di Matteo ou sem Matteo continua sem agradar mas isso não interessa nada porque jogos são jogos. Não chegamos ao jogo com a motivação no máximo mas nada nos pode tirar a motivação para disputar um jogo da Liga dos Campeões e tentar passar á próxima fase. Demonstrámos , na Alemanha, que somos superiores , que estamos a jogar um futebol positivo(tirando o jogo de Guimarães) e que a equipa está a crescer.
Esta equipa é uma equipa de presente mas também é de futuro pois quase todos são jovens e outros com muitos anos de futebol ainda pela frente.
Sem medo, temos que pressionar alto , jogar rápido e pelas alas como fizemos em Gelsenkirchen e sobretudo acertar as marcações , principalmente a Huntelaar. Os alemães , como é hábito do seu treinador, deverá jogar num 4-2-3-1 e a grande diferença para o nosso 4-3-3 é a inversão do triângulo do meio campo. Na Alemanha , penso que fizemos valer o nosso sistema de jogo e surpreendemos-os. Não tivemos a maior percentagem de posse de bola mas fomos mais rápidos e pragmáticos. Os nossos laterais não podem dar muito espaço nas suas costas , o meio campo alemão não pode ter muita bola e fazer o que quer e Huntelaar não pode ser municiado facilmente.
Também teremos que ter muita paciência quando não tivermos a bola porque os alemães sabem tê-la. Não são muito de enrolar a bola mas sabem trocar de flancos rapidamente. Basicamente temos que saber ter a bola, tentar não falhar tantos passes e não sermos precipitados.
A nossa personalidade/ADN tem que ser o habitual pois eles é que têm que ter medo de nós.. O Sporting joga sempre com os olhos postos nos 3 pontos e será muito importante vencermos este jogo.
Continuar na Liga dos Campeões seria muito importante para o Sporting mas já a Liga Europa também serviria para o mesmo efeito.
Esta equipa merece-o e seria um enorme desperdício ter jogadores com tanta qualidade fora das competições europeias.
Depois de vermos a "roubalheira" de Gelsenkirchen e a forma como jogámos e ainda por cima reduzidos a 10 unidades , só temos que acreditar na nossa equipa. E não será o mau desempenho no Norte de Portugal que nos impedir de sonharmos e de lutarmos pela vitória.
Vamos, então, encher Alvalade e fazer com que aconteça uma noite mágica para todos nós.
Mais do que uma vingança, é mais importante a obtenção de 1 vitória que nos permita receber o Maribor e tornar o nosso sonho cada vez mais possível.

Eu acredito.
Força Sporting.

Sem comentários :