domingo, 9 de novembro de 2014

A nossa formação está em crise ??

clicar para zoom
O Jornal "A Bola" na sua edição de ontem, Sábado , dia 8 de Novembro de 2014 publicava uma reportagem sobre a nossa Academia de formação, em Alcochete. 
Dado ao que foi escrito talvez explique porque dificilmente iremos vencer alguma prova de jovens. Os resultados já se vão notando e é difícil para nós , adeptos leoninos e sempre habituados a vencer , perder ou não conseguir vencer a equipas como o Sacavenense, Real ou Oeiras.
clicar para zoom
Todos tentamos encontrar explicações para estes resultados anormais mas ao longe é difícil saber com exactidão o que se passa. O que é certo é que o coordenador da formação demitiu-se(Bento Valente) e o treinador dos Juniores foi demitido ou demitiu-se(José Lima).
Ora , isto não é normal e é perigoso acontecer. A Academia é um local sagrado e assim deveria manter-se. 
As noticias apontam para uma redução na ordem dos 2.000.000€ na formação do Clube. Eram gastos, praticamente, o dobro deste corte orçamental e assim sendo algo vai ficar por fazer. Quais as suas repercussões? É o que esta reportagem tenta explicar. 
Começa com a menor capacidade para recrutar talentos o que faz com que os jovens talentos prefiram ir para os rivais. Para dar a volta á situação é contratar/recrutar jovens ainda mais novos para que façam todo um percurso dentro da formação do Clube. Aurélio Pereira , em entrevista ao Jornal Sporting, dava este exemplo para colmatar o poderio económico dos grandes Clubes Europeus.
Pelos vistos em Portugal vão ter o mesmo procedimento.
Um outro factor tido em consideração é a rede de olheiros que terá sofrido um revés. Será ? Se assim for saberemos mais tarde que os nossos rivais , onde estão os melhores talentos. É que os olheiros são uma mais valia do Clube, pelo menos a nível nacional. Não deveríamos cortar neste sector!!
Já não falamos das reduções salariais que é a meu ver, é um dos factores que terá mais lógica de acontecer.
Na reportagem é discutido também a diferente pressão para ganhar. As "fontes" afirmam que dantes se dava mais importância ao jogador e como evoluir mas hoje , existe uma maior pressão para vencer. Este facto é um pouco controverso pois qualquer escalão do nosso Clube tem que ter esta pressão pois vencer faz parte do Sporting. Se os jovens forem habituados, desde pequenos á pressão , melhor estarão preparados. Não é colocar mais pressão mas sim a ensiná-los a conviver com ela pois ela está ligada á vida do Clube.
Talvez sabendo desta pouca qualidade , pelo menos dos Juniores , terão sido contratados alguns jovens para a equipa B, numa visão de futuro para integrarem a equipa principal. É óbvio que alguns jogadores foram/serão más contratações ,como em qualquer Clube acontece, mas basta um destes jovens singrar para que tudo fique.....pago. 
Claro que desejamos que mais jogadores vinguem mas também temos que saber esperar e dar tempo ao tempo para eles aparecerem e reclamarem o seu espaço.
Pegando ainda nos valores financeiros dos investimentos, Amorsporting faz uma pergunta: Se o desinvestimento foi na ordem dos 2.000.000€ , não seria melhor deixar de contratar jogadores jogadores para a equipa B (pelo menos 2) para se manter o orçamento na formação?
O Sporting funcionava bem com este orçamento na formação e não será com um desinvestimento que vamos vencer mais jogos nem ter mais jogadores  de qualidade para fornecer a equipa principal. Não será precisamente o contrário ??
Não podemos descurar nem modificar um modelo de formação que muito sucesso tem dado. 
Depois, existem outras notícias sobre a nossa formação que não aparecem nesta reportagem do Jornal "A Bola", que são concretamente sobre Virgílio Lopes. 
Amorsporting não quer acreditar nelas, até porque surgem num Jornal que é mais mentiroso que o Pinóquio ( Correio da Manhã) mas queríamos falar sobre o que se diz.
Este Jornal que cita as suas fontes(claro que sim!!!!) afirma que existe mau ambiente na Academia ao ponto de contarem que é insustentável. Isto e continuando a falar de Virgílio Lopes........
As tais fontes referem que apesar de não ter um conhecimento da metodologia de treino que se dá á formação , intromete-se nas áreas técnicas e que aplica linguagem imprópria com os treinadores. Será isto verdade ?? É-me difícil de acreditar que , se isto se passasse, o nosso presidente não tivesse já corrigido a situação.
O jornal salienta que devido a este facto(e outros) que Bento Valente bateu com a porta. A intromissão de Virgílio é nos balneários, quartos, trabalho dos treinadores e nas renovações dos jogadores. Mas mais......é falado na forma como trata os funcionários do Clube e jogadores, na falta a alguns jogos para observação das equipas e na desorganização da Academia. 
É com muita preocupação que vejo estas noticias surgirem nos jornais. É claro que não podemos acreditar á primeira neste jornal(nem á 2ª nem á 3ª) mas por vezes "onde há fumo , há fogo".
Espero realmente que isto não seja verdade mas se assim for estará em causa a harmonia de uma Academia que até hoje tem sido um local sagrado.
Atenção Sporting , a Academia é a nossa forma do sucesso!!

Sem comentários :