terça-feira, 28 de outubro de 2014

UEFA rejeita protesto do Sporting


A UEFA rejeitou a queixa apresentada pelo Sporting relativo ao ROUBO de Gelsenkirchen. 
Mas...de outra decisão não se esperava pois esta entidade nunca procedeu de outra forma em casos semelhantes. A decisão é baseada no ponto 2 do artigo 50 que diz que os protestos não podem ser apresentados por decisões factuais dos árbitros. 
O Sporting tinha pedido a repetição do encontro e ainda 500.000€ , correspondentes a um empate na Liga dos Campeões. Isto tudo devido a uma grande penalidade , inexistente, no último fôlego da partida que deu a vitória aos adversários.
As informações disponibilizadas são de que a UEFA pediu um comentário ao Clube alemão e ao que parece este terá confirmado que existiu o erro mas que no entanto não terá servido para nada.
O Sporting fez o seu papel e protestou junto de quem de direito mas na UEFA não há nenhuma Democracia e ainda por cima, a pedido de muitas pessoas e entidades, não quer colocar os meios tecnológicos ao serviço do futebol.
Obviamente que esta embirração é por interesses dos grandes Clubes pois assim serão sempre os beneficiados em detrimento dos médios/pequenos Clubes.
Fonte oficial da UEFA lamentou os erros cometidos mas afirma que não está prevista nenhuma sanção aos árbitros do encontro. 
Esta decisão é vergonhosa e lamentável pois enquanto assim for vai-se continuando a assistir a autênticas roubalheiras e depois........a montanha pariu um rato. Incrível !!
Uma arbitragem , que devia estar encomendada, foi simplesmente vergonhosa do principio ao fim. O Sr. Karasev conseguiu expulsar Maurício logo á meia hora de jogo, conseguiu não ver o fora de jogo e a falta que originou o 2º golo alemão e como se não bastasse ainda inventou uma grande penalidade quando todos viram que a bola bate na cara de Jonathan Silva. Enfim......
Amorsporting, por breves momentos , até pensou que estaria a reviver as arbitragens do Sr. Paulo Costa , da A.F.Porto.
Agora , em Lisboa vamos tentar inverter o rumo dos acontecimentos, mesmo sabendo que se encomendam uma vez, podem encomendar mais.

Sem comentários :