sábado, 16 de agosto de 2014

Jornada do LEÃO: Académica-1 x Sporting-1

Foto: Maisfutebol
Começou a Liga e a nossa equipa deslocou-se a Coimbra para defrontar a Académica. Não conseguimos obter uma vitória que seria mais que justa mas a expulsão de William Carvalho precipitou este empate. Empate a uma bola foi o resultado final.
Marco Silva , fez alinhar de inicio o central francês, Naby Sarr, ao lado de Maurício  e na frente o cabo-verdiano, Heldon, o que foi uma surpresa. 
O onze inicial foi o seguinte: Rui Patrício, Cédric, Maurício, Sarr, Jefferson, William, Adrien , A. Martins, Carrillo, Heldon e Montero. 
O sistema foi o mesmo ensaiado na pré-época : 4-3-3 com posse de bola , pressão alta a não deixar a equipa contrária construir jogo, bolas rápidas nos extremos e construção de jogo através de William ou Adrien . 
O golo que deu a vantagem ao intervalo aos leões surgiu cerca dos 15 minutos , num cruzamento largo de Jefferson ao 2º poste com Carrillo a cabecear para o fundo da baliza de Cristiano. Foi um golo madrugador quando as equipas ainda se conheciam cheio de oportunidade. Este golo deu oxigénio ao Sporting que controlou a 1ª parte toda e onde o nosso guarda-redes só fez uma defesa. 
O SCP jogou mais pela direita onde Cédric e Carrillo continuam a combinar bem e foi de onde surgiram algumas jogadas perigosas. Aliás , o peruano esteve em destaque e não fosse a má pontaria poderíamos ter mais golos.
Os centrais estiveram em grande e não deixaram passar nada. William Carvalho é um grande jogador e aquele maio campo é todo dele.....e de Adrien. 
Ainda existiu um lance casual , de bola na mão , de Jefferson na nossa área que teve protestos mas sem razão. 
O intervalo chegou e o resultado era justo só pecando por escasso.
Na 2ª parte tudo seria diferente. A Académica surgia mais atrevida e ganhava mais a bola.
O Sporting continuava a tentar conquistar a bola e Adrien por duas vezes rematou mal e falhava boas oportunidades de aumentar o resultado. Pareceu-me que ficou uma penalidade cometida sobre Heldon por marcar mas já estamos habituados.
Oriol Rosell entrou por Cédric que só pode ter saído por estar condicionado . Enquanto isso os Leões davam mais espaço aos estudantes e eles iam avançando no terreno e acercando-se da nossa baliza.
Perante algumas alterações da Académica, Marco Silva , voltou a mexer na equipa . Saiu Heldon e entrou Capel que ao 2º cruzamento ofereceu o golo a Carrillo mas este rematou contra Montero.
Aos 64 minutos , grande oportunidade para os estudantes que não marcaram por centímetros.
Depois o momento do jogo: expulsão, justa , de William Carvalho. Artur Soares Dias mostrou o 2º cartão amarelo e o jogo iria mudar muito. 
A partir daqui o SCP fechou-se , recuou e tentava sair em contra-ataque. Os estudantes passaram a ter mais bola e a pressionar mais.
Marco Silva não mexeu logo na equipa e só colocou P.Oliveira aos 73 minutos por A. Martins. O central ocupou a direita da defesa.
Carrillo carregava o jogo do Sporting e ofereceu 1 golo a Capel que mais uma vez também não chegava a tempo. 
Depois foi a vez de Rui Patrício dar espectáculo. Grande defesa a evitar o empate mas logo a seguir mais uma jogada do peruano que deu para Rosell e este devolveu para Montero fazer Cristiano brilhar. Faltavam 5 minutos .
Porém aos 90 minutos aconteceu o que já se esperava , golo da Académica. Carrillo em vez de aliviar coloca a bola na área, ninguém consegue aliviar a bola e esta vai para um estudante que fez o mais injusto do jogo. 
Os erros na pré-época não foram todos corrigidos e ai estão os dois primeiros pontos perdidos na Liga.
O melhor do Sporting: Carrillo. 
Apesar da asneira do golo do adversário, o peruano fez jogar e jogou futebol. Está um jogador de equipa e continua um diabo á solta. Não driblou tanto mas cruzou, assistiu e fez o golo dos Leões. Carrillo fez um grande esforço pois soube levar o Sporting para a frente e mesmo reduzidos a dez jogadores soube causar perigo ao adversário.
Resultado injusto mas no futebol já se sabe. 
Individualmente: Patrício só não evitou o empate, Cédric estava a combinar bem com Carrillo, Maurício e Sarr estiveram muito bem e cortaram tudo, Jefferson melhor a atacar do que a defender, William estava muito bem mas a expulsão é imperdoável, Adrien a seguir a Carrillo foi o melhor, Heldon é veloz , poderia ter marcado mas não fez um bom jogo e Montero apesar de não marcar faz muito jogo. A jogar assim o golo vai surgir. Capel entrou bem e esteve perigoso umas quantas vezes mas tem dificuldade a defender , Rosell esteve melhor no meio do que na direita e Paulo Oliveira não jogou na sua posição. 
lema dos últimos jogos do Sporting: Os erros pagam-se muito caro.

Sem comentários :