quinta-feira, 17 de julho de 2014

SportingTV : Estamos no ar.


Começou uma nova Era !
A SportingTV está no ar !
As transmissões arrancaram com a I Gala Honoris Sporting - passadeira verde e depois o 1º entrevistado , no Sporting Directo cerca das 21:30 - Bruno de Carvalho.
Antes do entrevistado , algumas noticias , uma delas em 1ª mão. O jogador Wallyson Mallmann renovou o seu contracto com o Sporting até 2019. 
Também , muitos jogadores das diversas modalidades davam os parabéns ao canal televisivo e á actual direcção. Pelo meio a apresentação de próximos programas e de factos históricos . Depois sim ...a entrevista.
"É um dia que nos marca a todos nós e nos marca enquanto direcção. Podemos respirar um pouco de alívio e independentemente de haver algum nervosismo por ser o primeiro dia. Será uma forma de para nós, Sporting, ter a arma mais calma. Finalmente vamos conseguir ouvir coisas sobre o Sporting que transmitem com clareza. Estamos muito felizes e contentes. Estamos a começar. Cada dia que passa vamos fazer muito melhor". São palavras do nosso presidente que estava visivelmente satisfeito com o arranque do nosso canal preferido.
"Tem tudo a ver com aquilo que nós idealizamos e pensámos para o clube. É importante comunicar com a nossa família em Portugal. São mais de 3 milhões e precisamos de lhes demonstrar o nosso carinho. O canal é a forma de todos os dias podermos estar na casa deles. É extremamente importante esta aproximação aos sócios."
Bruno ainda tocou em vários outros pontos: "Muitas vezes parece que dizemos palavras apenas porque ficam bem. Aquilo que se conseguiu construir passados vários meses. Começámos de uma forma difícil. O que encontrámos no futebol foi difícil. O que colocámos em cima da mesa, falando do rumo que o Sporting queria tomar, os homens que temos deram uma resposta tremenda. 
Foram difíceis os primeiros meses, foram tremendos. É esta gente toda, porque não há trabalhos de um homem só, em todas as modalidades, foram de um carácter e vontade tremenda. Não vou para o banco porque se vê melhor, vou para lá para conhecer melhor as pessoas. No bom e no mau estamos juntos mas temos de ser extremamente exigentes".
Hóquei em Patins:
"Tem a ver com uma estratégia. Era quase impensável há uns tempos com esta força e vontade de dizer que queremos ser campeões. É uma satisfação servir este clube. Nós podíamos socorrer-nos da situação difícil e não apostar no hóquei mas o Sporting obrigava-nos a colocar em cima da mesa, aquela que nos deu tantos títulos e alegrias. Era quase uma obrigação moral enquanto sportinguista, que cresci a ver as vitorias do hóquei em patins. Fizemos tudo para trazer o hóquei que era ser o seu lugar, voltando a ser uma modalidade oficial. Não é perante as dificuldades que viramos as costas aos nossos objectivos."
Sobre a missão pavilhão:
"A Missão Pavilhão demonstra uma coisa: um novo projecto para o Sporting. O pavilhão não foi feito porque não havia vontade de o fazer, queriam era tornar o clube num emblema de futebol. Acreditamos num Sporting ecléctico e acreditamos num Sporting de todos. Para isso temos de dar condições às nossas modalidades e os sportinguistas têm de reagir também."
Perante a insistência do entrevistador , sobre um novo reforço.....o Autocarro, Bruno de Carvalho , respondeu : "Tenho de dizer que o autocarro que utilizámos deve ter tido a sua época áurea mas era preciso um outro. Os jogadores têm tido um esforço tão grande, têm-se dedicado tanto ao clube, que mereciam ser recompensados pelos trajetos que faziam. Agora ficam com as condições para viajar, não havendo essa falha a apontar. Para mim é sempre bom, porque posso apontar-lhes mais uma coisa. Quando perco, fico insuportável para mim próprio. À proporção, vou distribuindo alguns “mimos” porque para estar no Sporting é preciso honrar o nosso clube. Quando isso não acontece, as viagens tornam-se mais complicadas".
E o entrevistador ía revelando que conhecia bem os hábitos do Presidente e perguntou porque mal utilizava o seu gabinete. A resposta não poderia ter sido melhor: "Eu disse que ia para o Sporting para trabalhar e para trabalhar tenho de estar ao pé das pessoas. A minha missão é colocar o clube a funcionar corretamente e só estando ao lado das pessoas é que tal acontece. Depois, torna-se algo contagiante. As pessoas não estavam habituadas a verem órgãos sociais a trabalhar quase 24 horas no clube. O Sporting não tinha organização e as pessoas não sabiam o caminho que deviam tomar. Tenho um escritório ambulante que não é muito agradável para algumas pessoas. Nota-se que há satisfação e entendem melhor o que é pedido. Fiz do meu gabinete um mini-museu face às ofertas que nos fazem e assim, quando lá vou, é para deixar mais um troféu ou algo desse género", explicou.
Para além da Gala e da entrevista ao nosso Líder ficam aqui algumas revelações feitas pelo director da SportingTV(Pedro Costa).
Os jogos da equipa B irão dar em directo no nosso canal , quando jogarmos em casa e os jogos da equipa principal irão dar em diferido mas será 1 ou 2 horas depois da sua realização(aplica-se já á Taça de Honra da A.F.L.).
Agora é deixar rolar.......

2 comentários :

Anónimo disse...

Seria bom transmitir em direto os jogos da equipa A. Seria bom também que haja mais cuidado por parte do Presidente na escolha do seu alfaiate.

Rui Fernandes disse...

O problema é que se derem os jogos da equipa principal em directo os adeptos não vão ao Estádio. Assim só dão os da equipa B, que não costuma ter muitas pessoas e alguns das modalidades e camadas jovens.