quarta-feira, 28 de maio de 2014

Quem é que mentiu ? (APITO VERMELHO) "Quem não tem telhados de vidro que mande a 1ª pedra".


É tudo um Mar de rosas , quando se dá uma entrevista e se põem a falar dos outros . Esquecem-se é que têm telhados de vidro e que quem não tiver que mande a 1ª pedra. Pois ......mas o Presidente do Benfica ,Luís Filipe Vieira, têm-os ! ( Isto pode não agradar a 6.000.000 de vermelhos , mas as verdades são para serem ditas e isto é bem verdade. Ah já me esquecia : as escutas foram consideradas ilegais.)
Amorsporting explica melhor : 
Estava decorrido o ano de 2006 (8-9-2006) e as escutas do Apito Dourado apanharam o presidente do Benfica a escolher árbitros . A conversa telefónica entre o Luís Filipe Vieira e Valentim Loureiro foi sobre o árbitro nomeado que não era do agrado pois tinha sido anunciado outro árbitro,  a um advogado com ligações ao Benfica. Esta nomeação tinha sido feita por ,Pinto de Sousa, que na altura era o presidente do Conselho de Arbitragem da Federação. 
O jogo era para as meias-finais da Taça de Portugal entre o Benfica e o Belenenses e o árbitro acabou por ser arbitrado por João Ferreira , de Setúbal ( o SLB venceu por 3-1).
A tal conversa telefónica foi , então, por já não ser o árbitro , Paulo Paraty, o escolhido para arbitrar o jogo , como anunciado por Pinto de Sousa na tal conversa com um advogado com ligações ao Benfica. A discussão foi acesa e Valentim Loureiro começou por tentar acalmar o Presidente dos encarnados. 
A seguir o "Orelhas" afirma não ter preferências por ninguém mas recusa 4 árbitros internacionais por não lhe darem "garantias". ( Garantias ???? Então existem árbitros que dão garantias ????) 
A solução acabou por ser o árbitro que acabou por arbitrar o jogo. 
Todos negaram esta conversa mas o facto é que ela existiu e foi escutada e gravada.
Mais..........Luís Filipe Vieira estava irritado ao telefone pois Pinto de Sousa tinha dito que era o Paulo Paraty mas afinal não podia pois tinha acabado de arbitrar o Belenenses-Nacional para o Campeonato.  Pinto de Sousa tentaria contactar Vieira para justificar a mudança, mas o dirigente benfiquista deixou de lhe atender o telefone, o que acabaria por levar Valentim Loureiro a envolver-se num jogo que estava fora da alçada da Liga.
-LFV : "Disseram-me que era o Paulo Paraty o árbitro... Agora dizem-me à última hora que já não pode ser o Paulo Paraty por causa do Belenenses".
A conversa prosseguia e vieira ia respondendo :
-LFV : "Não quero Lucílio nenhum! O António Costa?! F... Isso é tudo Porto! O Duarte, nada, zero! O Proença também não quero!". Só o nome de João Ferreira agradou ao presidente encarnado.
A lista era reduzida, porque Pinto de Sousa considerava que o jogo tinha de ser apitado por um árbitro internacional e havia-o dito a Vieira e a Valentim Loureiro.
Para o "Orelhas" tudo isto era devido a uma manobra do presidente azul e branco pois controlava tudo e todos.(Aqui o presidente do Benfica tem razão).
Aliás , Vieira , até sabia quem iria ser o árbitro do FC Porto- Sp. Braga (Bruno Paixão).
-LFV : "O Bruno Paixão, em Gil Vicente, eu estendi-lhe a mão para o cumprimentar, não me cumprimentou! Como é que esse gajo (Pinto de Sousa) vai nomear esse gajo para apitar? Eu não sou como o Dias da Cunha. (...) Eu vou à RTP fazer alguns alertas para o futebol português".
Pinto de Sousa explicou a Valentim Loureiro (que lhe telefonou) e disse  que a promessa de que Paulo Paraty seria o escolhido tinha sido feita inicialmente a João Rodrigues (um advogado com ligação ao Benfica), duas ou três semanas antes. Mas assegurou que a nomeação para o campeonato acontecera apenas porque se tinha esquecido de avisar Luís Guilherme, o responsável pela gestão da arbitragem para os jogos da Liga (Que desculpa farrapada! Oh Orelhas também és muito anjinho).
Já sobre a nomeação de Bruno Paixão para a outra meia-final , Pinto de Sousa até afirmou que era um pedido de António Salvador, presidente do Sp. Braga.
Amorsporting transcreve partes das escutas telefónicas onde é interveniente Luís Filipe Vieira. Os seus interlocutores são Valentim Loureiro e Pinto de Sousa :

Luís Filipe Vieira (LFV) - Eu não quero entrar mais em esquemas nem falar muito... (...) 
Valentim Loureiro (VL) - Eu penso que ou o Lucílio... o António Costa, esse Costa não lhe dá... não lhe dá nenhuma garantia? 
LFV - A mim?! F.., o António Costa? F... Isso é tudo Porto! 
VL - Exacto, pronto! (...) E o Lucílio? 
LFV - Não, não me dá garantia nenhuma o Lucílio! 
VL - E o Duarte? 
LFV - Nada, zero! Ninguém me dá!... Ouça lá, eu, neste momento, é tudo para nos roubar! Ó pá, mas é evidente! Mas isso é demasiado evidente, carago! Ó major, eu não quero nem me tenho chateado com isto, porque eu estou a fazer isto por outro lado. (...) 
VL - Talvez o Lucílio, pá! 
LFV - Não, não quero Lucílio nenhum! (...) 
VL - E o Proença? 
LFV - O Proença também não quero! Ouça, é tudo para nos f...! 
VL - E o João Ferreira? 
LFV - O João... Pode vir o João. Agora o que eu queria... (...) Disseram que era o Paulo Paraty o árbitro... O Paulo Paraty! Agora, dizem-me a mim, que não tenho preferência de ninguém (...) à última hora, vêm-me dizer que já não pode ser o Paulo Paraty, por causa do Belenenses.

Pinto de Sousa - A única coisa que eu tinha dito ao João Rodrigues é o seguinte... É pá, há quinze [dias] ou três semanas, ele perguntou-me: "Quem é que você está a pensar para a Taça?"... Eu disse: "Estou a pensar no Paraty"...
 VL - Bem, o gajo está f... (...) O Paraty então não consegues, não é? 
PS - O Paraty não pode ser. (...) Até para os árbitros restantes, diziam assim: "É pá, que diabo, este gajo tem tantos internacionais e não tem mais nenhum livre, pá?!". (...) 
VL - Eu nem dá para falar muito ao telefone, que ele começa para lá a desancar. (...) Mas qual é o gajo que o Porto não quer?! O Porto quere-os todos, pá! Qualquer um lhe serve! 
PS - É... Por acaso é verdade... 
VL - O Porto quer lá saber disso! 
PS - Se é o Lucílio... Se fosse o Lucílio, era o Lucílio, se fosse o António Costa, era o António Costa... 
VL - Ao Porto qualquer um serve!

Convém esclarecer que Amorsporting não considera o Sporting e todos os outros clubes, livres de qualquer acto de corrupção, pois "não coloco a mão no fogo" por ninguém mas eu já disse várias vezes e voltarei a dizê-lo : "Quem não tiver telhados de vidro que mande a 1ª pedra".
Então quem os tem é melhor ficar caladinho . Não é "Orelhas"?
P.S.- Amorsporting disponibiliza algumas ligações para quem quiser seguir e comprovar que não estamos a inventar: 
--(LINK 1) (LINK 2) (LINK 3

Sem comentários :