terça-feira, 11 de março de 2014

Bruno: " Como eu previa : O titulo está entregue."


Bruno de Carvalho deu uma conferência de imprensa no Auditório Artur Agostinho e colocou os pontos nos is. Criticou as arbitragens, que já retiraram 7 pontos e que se continua com um clima de impunidade como se nada se tratasse. O Cumulo foi a arbitragem escandalosa de Vasco Santos que nos roubou a hipótese de estarmos a lutar pelo 1º lugar do Campeonato. "As coisas não são claras. As regras não são transparentes e o Sporting, a nível de campeonato, já se viu defraudado de sete pontos, que por coincidência nos dariam o primeiro lugar".
"Isto não é fácil porque já várias vezes vos transmiti que há trabalho realizado que não deve ser menosprezado. Isto não é de agora. É fácil dizer que o Sporting é o clube mais prejudicado e que nos ultimos 30 anos temos sido fortemente prejudicados. O que exigimos é que alguém comece a mudar isso. Não queremos ser nós os beneficiados mas dizer um 'basta' a sermos prejudicados". "São tantas forças a puxar que não duvido que o Sporting não poderia ter outros objetivos que não o jogo a jogo porque só pode ter influência no que controla. Vamos ver se nos deixam atingir o segundo lugar, já que não nos deixaram atingir o primeiro".
Nesta conferência também falou do encontro de presidentes de Fátima. "É preciso um milagre no futebol português, pois foi em Fátima. Cada clube tem os seus objetivos. O campeonato português não é tão competitivo como podia ser e temos três grupos: os que têm a manutenção como objetivo, um segundo grupo que tem a Liga Europa como objetivo, e três cujo histórico os levará sempre a pensar que podem chegar ao título. São objetivos distintos, cada clube tenta proteger-se perante a realidade e, muitas vezes, há dificuldade em trabalhar em sintonia. Alguns clubes estão preocupados com a situação do presidente da Liga e tentam atrair outros clubes para esse assunto" . "Eu pergunto: em termos do que é a verdade desportiva, o centro de decisões no futebol, está na Liga? A Comissão de Arbitragem, o Conselho de Disciplina e Justiça estão na Liga? Neste momento em que podemos mostrar às pessoas o que são os verdadeiros problemas, a Liga é o problema mais importante? Desde o início que o Sporting entende claramente o que se passa e o que deviam ser as prioridades. A nossa preocupação é na verdade desportiva e há três órgãos que pertencem à Federação e não à Liga. Isso é que nos preocupa. Já lidámos com o Conselho de Disciplina e com a vergonha do seu presidente mas que passa tudo em claro. E agora será o Conselho de Justiça, veremos o que sairá. Estamos muito tocados e sabemos onde estão os problemas." "Estamos disponíveis para todos os clubes que tenham a coragem de fazer o que o Sporting fez: dizer claramente no que é que foi beneficiado e prejudicado de forma grosseira, e arranjar uma solução conjunta. Não é só refilar quando não estamos no lugar que queremos. É preciso ter a coragem de defender a verdade desportiva. Serei o primeiro a denunciar o que foram erros a favor e contra o Sporting. Gostava de ver outros a fazer o mesmo, como não vejo acho que o caminho a trilhar é longo mas há de ser trilhado." 
Bruno de Carvalho falou também que tem recebido ameaças de morte porque o Sporting já incomoda muita gente. " Confesso que tenho tido várias ameaças de morte. Há bem pouco tempo, o carro do Augusto Inácio foi vandalizado e não nos ouve, garantidamente, a dizer se é a pessoa A, B, C ou D, ou se é determinado clube. É o desporto sem regras ou transparência que vai levando a essas situações". " Os sportinguistas têm de arranjar formas, pacificas, de dizerem basta, formas que as pessoas percebam que estão indignados. Temos visto isso várias vezes, em vários setores da sociedade que mostram desagrado, e muitas vezes com impacto". Salientou as forças de Benfica e FC Porto : "Temo que essas forças estejam presentes nos jogos todos, senão não vos tinha chamado aqui. Vejam os nomes que estou a dizer, todos jogos em que fomos prejudicados: Rio Ave, Nacional, Académica e Setúbal, e depois na Taça de Portugal com o Benfica. Na Taça da Liga com o FC Porto também houve uma atitude vergonhosa".
Por tudo isto o nosso presidente apelou aos sportinguistas: "É fundamental serem os sportinguistas a dizer basta. Neste momento, o 12.º jogador é mais necessário do que nunca, para apoiarem dentro de campo mas também fora de campo. Têm de estar alerta e vigilantes. Têm que falar e agir. A única hipótese que o Sporting tem é jogar com a sua competência. Os sportinguistas estão resignados e isso não pode acontecer mais. Ou começamos a defender todos o nosso clube e passamos a mensagem de sermos prejudicados ano após ano, ou então não vale a pena a pena ter grandes ilusões. Enquanto assistirmos a estas atuações desastrosas e os sportinguistas continuarem em meras conversas de café e não disserem 'chega', então é muito complicado". 
Sobre a partida em Setúbal o nosso presidente disse: "transformaram um 3-1 num 2-2, no mínimo. O Sporting foi extremamente prejudicado. Vamos ver a forma de demonstrar o nosso desagrado. Quando nos falam que o futebol português teve melhorias, gostaríamos de saber porque é que essas mudanças não se reflectem na verdade desportiva para o Sporting."
É isso mesmo presidente ! Temos todos que remar para o mesmo lado pois o barco não navega sozinho nestas águas paradas e viciadas. Nos cafés, nos shoppings, nos cinemas, no campo, na praia, na cidade, e em qualquer lugar temos que defender o nosso Sporting. O Sporting tem que ser o nosso orgulho e fazermos ver isso ás pessoas e mostrar-mos o nosso desagrado ás pessoas que nos prejudicam. Estas pessoas que nos prejudicam, deliberadamente , tem que sentir o que é prejudicar o SCP e talvez sentirem medo. Isto não é uma brincadeira onde prejudicamos sempre o mesmo ! Não nos levam a sério ? Querem brincar ? Mas não pode ser e temos que dizer BASTA e fazermos a nossa força numa força única.

Sem comentários :